Apaixonada pela natureza, mulher realiza sonho e vira sereia » Rede Acontece
Últimas
19-07-2018 » Kefir, biomassa de banana... | Febre dos prebióticos e probióticos: ciência ainda discute sua eficácia 19-07-2018 » Presos na Papuda | Geddel e Luiz Estevão vão para segurança máxima no DF 19-07-2018 » Após rumores | Chay Suede nega romance com colega de novela 19-07-2018 » 'Tinha medo de ir e vir' | Nívea Stelmann diz por que trocou o Brasil pelos EUA 19-07-2018 » 'Não me entendem' | Galvão esclarece se vai se aposentar das narrações 19-07-2018 » Manteiga? Não! | O que você jamais deve usar como lubrificante no sexo 19-07-2018 » Candidato isolado | Bolsonaro tenta salvar aliança com general 19-07-2018 » Melhores da América Latina | Documentário do UOL sobre gays na Rússia concorre ao WAN-IFRA 19-07-2018 » "Dr. Bumbum" é preso no Rio | Foragido após morte de cliente, médico foi detido na Barra da Tijuca 19-07-2018 » Celulares podem ficar mais caros | Além de pagar multa recorde, Google deverá mudar Android; entenda 19-07-2018 » Ataque de tubarão é investigado | Adolescentes são mordidos enquanto mergulhavam em Nova York 19-07-2018 » Comic-Con sem Marvel nem GoT | O que esperar da maior feira de cultura pop, em San Diego (EUA)? 19-07-2018 » Como você é fiscalizado | Polícia não usa drone para multar quem fala ao celular enquanto dirige 19-07-2018 » Eleições 2018 | Centrão segura apoio a Ciro e tucanos aguardam 19-07-2018 » Filofobia | O que é e como superar o medo patológico de se apaixonar e formar laços 19-07-2018 » Ex-presidente preso | CNJ intima Moro e desembargadores sobre decisões na prisão de Lula 19-07-2018 » Tumulto no centro | SP: Usuários atacam motoristas após ação da GCM na Cracolândia 19-07-2018 » De galã teen a rei do rap | Como Drake se transformou no músico mais popular do mundo 19-07-2018 » SP x Corinthians | Aguirre confirma Jucilei fora do clássico; Rojas vai jogar 19-07-2018 » Refis | Receita cancela adesão de 700 "viciados" em renegociar dívidas
Publicidade
grafica bandeirante lab laboratorio clinica master supermercado centrel centro medico sao gabriel intersorft
18 de fevereiro de 2016

Apaixonada pela natureza, mulher realiza sonho e vira sereia

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

O amor pelo mar e seus segredos, a vontade de defender o meio ambiente e o desejo de viver um sonho. Esses são os motivos que Mirella Ferraz, de 32 anos, aponta como responsáveis por seu trabalho. Há quatro anos ela é sereia profissional. “Esse meu amor imenso nasceu quando eu nasci, isso é a razão de toda a minha vida. Quantas pessoas no mundo conseguiram tornar o seu conto de fadas profissão e viver disso integralmente?”, quastionou a moradora de Pirassununga (SP). Mirella contou que sua relação com o sereismo começou antes mesmo de o termo ser conhecido e que, quando decidiu trabalhar com a atividade, existiam duas sereias e um tritão profissionais nos Estados Unidos e na Austrália. “Eu vivo de ser uma sereia. Sempre me senti como se minha casa fosse mais a água do que a terra”, afirmou. Segundo Mirella, o começo foi difícil e ela recebeu muitas críticas, mas não pensou em desistir. “Tive que ler e ouvir as maiores barbaridades de um país inteiro dizendo que eu era louca, infantil, que tinha que ir lavar a louça, mas sempre passei por cima de qualquer crítica para seguir o meu sonho. Hoje, sim, há reconhecimento”, desabafou. Se fora de casa nem sempre houve compreensão, o mesmo não aconteceu junto aos familiares. “Meu marido acha incrível eu ser assim, e olha que é psicólogo. Ele acha muito legal ter coragem de seguir os sonhos, mesmo que eles pareçam tão fora de ordem para a sociedade”, contou. A mãe de Mirella também apóia a atividade. De acordo com Izilda Ferraz Nogueira, a filha sempre demonstrou preocupação com a defesa da natureza e isso era o mais importante, dava orgulho para a família. “Ela nos ensinou a amar ainda mais os animais. Nos tornamos protetores de animais de rua por ela nos mostrar o sofrimento deles. Ela nunca desiste de seus sonhos, sempre foi bastante geniosa e briguenta quanto ao meio ambiente, o que eu tenho por ela vai além de admiração”, disse.


VOLTAR