Após decreto que facilita porte de armas, Polícia Federal teme sobrecarga » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 28-05-2020 » Após elogios | Anderson Silva desafia McGregor para luta 28-05-2020 » Investimento arriscado | Ele 'virou' criptomoeda e vendeu parte do seu futuro por R$ 105 mil 28-05-2020 » Mídia e Marketing | Coca-Cola lidera lista de marcas mais consumidas do mundo 28-05-2020 » Assista | Tyson e Belfort 'causam tumulto' em evento de telecatch nos EUA 28-05-2020 » Ministro relator | Fachin leva ao plenário do STF pedido para encerrar inquérito das fake news 28-05-2020 » Após quase 9 anos | Neymar faz acordo com médico do parto do filho e encerra ação judicial 28-05-2020 » Rio de Janeiro | Desempregada, ela trabalha para salvar mulheres nas ruas 28-05-2020 » Crime em SP | Polícia suspeita que cabo da Rota tenha sido fuzilado por PMs 28-05-2020 » Ação por herança | Rose Miriam é tirada do inventário de Gugu e acusada de tumultuar 28-05-2020 » Assista no UOL Play | Sim, ainda vale a pena começar a ver 'The Handmaid's Tale' 28-05-2020 » 2 horas de diferença | Band e Globo vão reprisar o mesmo jogo no mesmo dia 28-05-2020 » Reserva de Dourados | Onde passa a boiada: aldeias resistem a covid-19 e agronegócio 28-05-2020 » 'Salvou minha vida' | Pereio explica por que trocou apartamento por Retiro dos Artistas 28-05-2020 » Produções da Marvel | MCU: fã organiza cada cena dos 23 filmes em ordem cronológica 28-05-2020 » Salto do palco em direção ao público | Pitty sobre 1ª coisa que vai fazer pós-pandemia: 'Quero dar mosh no show' 28-05-2020 » Opinião | Menon: J. Jesus é tão bom que não fará falta ao Fla 28-05-2020 » Quarentena na capital | Isolamento na capital de SP continua e não há prazo para abertura, diz Covas 28-05-2020 » Crise entre poderes | Eduardo cita 1964 e fala em militares para pôr 'pano quente' entre Poderes 28-05-2020 » Por pressão de Bolsonaro | Governo revoga regra que instituía punição a quem descumprir quarentena 28-05-2020 » Aprovação segue estável | Rejeição a Bolsonaro bate recorde, mas base se mantém, diz Datafolha
Publicidade
16 de janeiro de 2019

Após decreto que facilita porte de armas, Polícia Federal teme sobrecarga

Foto Antonio Cunha

Após o presidente Jair Bolsonaro assinar hoje (15) o decreto que flexibiliza a posse de armas, entidades de delegados e agentes da Polícia Federal temem que o órgão fique sobrecarregado pelo fato de ser o único responsável pelo registro legalizado no país. Em entrevista ao portal UOL, representantes da PF dizem que creem no aumento da demanda pelos registros de posse, o que poderia aumentar a carga sobre o órgão que, segundo eles, está com seu quadro de pessoal defasado. “Se você flexibiliza os critérios de registro de posse, vai aumentar a demanda. E se aumentar a demanda, vamos precisar de mais gente. Hoje, o déficit de pessoal da PF é muito grande. O cobertor é curto”, disse Edivandir Paiva, presidente da ADPF (Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal). Ainda segundo a publicação, a estimativa é de que, atualmente, o quadro de funcionários da Polícia Federal seja de 10,8 mil policiais, com um déficit (cargos vagos) de aproximadamente 4.200.


VOLTAR