Após idas e vindas, Datena diz que está fora da política » Rede Acontece
Últimas
17-02-2019 » Acidente matou Boechat | Mãe de piloto de helicóptero morre três dias depois do filho 17-02-2019 » Crise no Planalto | Bolsonaro já assinou saída de Bebianno, dizem interlocutores 17-02-2019 » E o coração aguenta? | Maiara e Maraisa lavam alma sertaneja com sofrência e Jenifer no festival 17-02-2019 » Chegou chegando | Ludmilla põe público do CarnaUOL para rebolar e dançar até o chão com funk 17-02-2019 » Chicleeeeete! | Show de Bell Marques faz evento tremer com sucessos da BA 17-02-2019 » Primeira atração | Abertura do CarnaUOL tem clima de micareta com a Banda Eva 17-02-2019 » De olho nos ponteiros | Horário de verão no Brasil terminou; atrase relógio em 1 hora 17-02-2019 » 1ª negra na posição | Maju estreia na bancada do JN com elogios e improviso 17-02-2019 » Deslizamento em Mauá | Bombeiros buscam por 2 crianças soterradas na Grande São Paulo 17-02-2019 » Taça Guanabara | Justiça determina final com portões fechados após pedido do Flu 17-02-2019 » Papo com Mazzafera | No CarnaUOL, Ludmilla diz que nunca transou em 1º encontro: 'Sou careta' 17-02-2019 » Um ano após tiroteio nos EUA | Alunos, pais, policiais e professores falam sobre tragédia em Parkland 17-02-2019 » Destaque do CarnaUOL | Mariana Xavier conta a Mazzafera qual foi a pior cantada que já ouviu 17-02-2019 » Em São Paulo | CarnaUOL vibra com eletrônico de Alok 17-02-2019 » Bombeiros, Defesa Civil e PM já atuam | Moradores de Nova Lima (MG) deixam casas por risco em barragem
Publicidade
10 de julho de 2018

Após idas e vindas, Datena diz que está fora da política

Foto: ReproduçãoO apresentador Luiz Datena decidiu nesta segunda (10) entrar no ar na TV Bandeirantes e apresentar o programa Brasil Urgente.

Com isso, ele enterra de vez a ideia de ser candidato ao Senado pelo DEM neste ano.

“Achei que não era a hora de participar dessa política do jeito que ela esta aí”, afirma ele.

Num primeiro momento, Datena anunciou que seria candidato e chegou a participar de eventos do DEM e do PSDB.

Na quinta (5), num primeiro sinal de que ainda não tinha segurança em disputar o cargo, afirmou à coluna que poderia “joaquinizar”, referindo-se ao ex-ministro do STF Joaquim Barbosa, que desistiu de se lançar à presidência.

Se alguém o “enchesse” na política, disse, poderia “dar uma bica na bola” e desistir.

No sábado (7), ele falou de novo à reportagem. Disse que havia se reunido com a família e tomado a decisão: seria candidato.

Nesta segunda (9), desistiu de desistir da desistência e anunciou, ao vivo e a cores: está fora da política. Por enquanto.


VOLTAR