Apple faz história, para o bem e para o mal » Rede Acontece
Últimas
21-02-2019 » Audiência no Senado | Damares critica ativismo e rebate ministro do STF sobre questão de gênero 21-02-2019 » Desastre em Brumadinho (MG) | Bombeiros acham almoxarifado soterrado; há indícios de corpos 21-02-2019 » Texto entregue ao Congresso | Oposição tranca pauta na Câmara em protesto à reforma da Previdência 21-02-2019 » Marcelo Antônio, do Turismo | Ministro pede para STF suspender apuração de laranjas do PSL em MG 21-02-2019 » Tema em discussão no STF | Fachin defende criminalizar homofobia e aplicar Lei de Racismo 21-02-2019 » Crise no país vizinho | Nicolás Maduro manda fechar a fronteira da Venezuela com o Brasil 21-02-2019 » Impasse | Sem acerto, direção do Corinthians se irrita com postura de Romero 21-02-2019 » Novo smartphone | Confira sete novidades do Galaxy S10 da Samsung 21-02-2019 » Caso tríplex | Ministro do STF nega mais um pedido de liberdade a Lula 21-02-2019 » SUV 'acupêzado' | Renault Arkana é registrado no Brasil e deve sair até 2021 21-02-2019 » Impasse continua | Globo aceita exibir parceiros da Conmebol apenas na TV paga 21-02-2019 » Caso Daniel | Audiência tem risada de réu e acenos da família Brittes; advogado faz críticas 21-02-2019 » Em São Bernardo | Governo de SP diz que buscará comprador para fábrica da Ford 21-02-2019 » Antimusa do Carnaval | Lívia Andrade rejeita ser 'certinha': 'Empoderada? Minha vida me fez assim' 21-02-2019 » Mulheres em profissões 'invisíveis' | 'Se some algo, sempre suspeitam de quem faz a limpeza'; leia relatos 21-02-2019 » Buscas continuam em Brumadinho | 'Quanto mais tempo passa, mais difícil', diz bombeiro símbolo de MG
Publicidade
27 de janeiro de 2016

Apple faz história, para o bem e para o mal

Foto: Guanambi Acontece

Foto: Guanambi Acontece

US$ 18.4 bilhões. Foi este o lucro da Apple no último trimestre de 2015, um período tradicionalmente positivo por causa da época natalícia. O valor entra para a história: é o maior lucro já registrada por uma empresa cotada em bolsa. No entanto, segundo o The Verge, a empresa previu que a sua receita para os primeiros três meses do ano civil de 2016 seria entre US$50 e US$53 bilhões. É um número impressionante, mas é preciso levar em conta que o valor indica que a Apple irá receber cerca de US$ 5 bilhões a menos que o mesmo período de 2015, a primeira queda na empresahá 13 anos. Como é normal, o iPhone foi o produto que mais receitas deu à companhia. Ainda assim, diz o Business Insider, acabou por não corresponder as expectativas, ainda que por pouco. A Apple tinha previsto vender 75 milhões de iPhones neste período e comercializou apenas 74,78 milhões. Os analistas têm previsto que as vendas do iPhone vão cair neste próximo trimestre pela primeira vez desde que o primeiro modelo foi lançado.


Tags:
VOLTAR