Bahia é o terceiro estado em número de inscritos no Enem » Rede Acontece
Últimas
18-01-2019 » Caso Daniel | Âncora acusado de fake news por família Brittes é chamado a depor 18-01-2019 » Questão de higiene | Tem problema ter lixo na pia ou aumenta risco de bactérias? 18-01-2019 » Jack estava internada | Ginasta brasileira que defendeu seleção morre aos 17 anos 18-01-2019 » Defensora dos animais | Luisa Mell: 'Pode ter mulher agredida onde tem bicho apanhando' 18-01-2019 » Acordo com pai dela | Felipe Neto pagará 'acompanhamento psicológico' a Melody 18-01-2019 » Exclusivo | Funcionária que disparou WhatsApp para Bolsonaro ganha cargo no Planalto 18-01-2019 » Investigação contra Queiroz | Ministro do STF afirma que pedido de Flávio foi 'confissão de culpa' 18-01-2019 » Ex-ministro de Temer | Bolsonaro escolhe general Silva e Luna para ser o diretor-geral de Itaipu 18-01-2019 » Medidas econômicas | Auxílio-reclusão e pensão por morte vão passar por pente-fino; entenda 18-01-2019 » Educação | Governo suspende nomeação de diretor para coordenar Enem 18-01-2019 » Relações com o país vizinho | Bolsonaro cita PT e diz que Brasil tem culpa em crise na Venezuela 18-01-2019 » Atacante do Santos | Fla encaminha acerto com Bruno Henrique por R$ 23 milhões 18-01-2019 » Copa São Paulo | SP bate Cruzeiro nos pênaltis e pega Guarani na semifinal 18-01-2019 » Ex-comandante do Exército | Símbolo de superação, Villas Bôas traz voz moderada ao Planalto 18-01-2019 » Para descobrir o que têm | Pessoas com doenças misteriosas buscam 'detetives' nos EUA 18-01-2019 » Salão de Detroit | Nissan revela que futuro Versa será 'surpreendente como o Kicks'
Publicidade
31 de maio de 2018

Bahia é o terceiro estado em número de inscritos no Enem

Foto: MEC

Notas podem ser usadas para concorrer a vagas no ensino superior pelo Sisu, a bolsas pelo Prouni e a financiamento pelo Fies Na Bahia, 398.490 estudantes foram confirmados na inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. O número, divulgado ontem pelo Ministério da Educação (MEC), é cerca de 20% menor do que o registrado no ano passado. O estado é o terceiro no país em número de inscrições confirmadas, atrás de Minas Gerais e São Paulo. As provas serão realizadas nos dias 4 e 11 de novembro. São 5,5 milhões de inscritos confirmados no Brasil contra 6,7 milhões em 2017. O número nacional de inscritos é mais próximo ao de participantes que efetivamente comparecem às provas (4,7 milhões no Enem de 2017). O MEC destacou as mudanças adotadas para promover a inscrição consciente e evitar o desperdício da verba pública. Nos últimos cinco anos, a média de abstenção no Enem foi de 29%, gerando um prejuízo de R$ 962 milhões, segundo o ministério. O ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva, acredita que a queda no número de inscritos se deve a essas medidas. “Não podemos ter pessoas se inscrevendo para não participar das provas, muitas vezes sem justificativa. Temos de combater o desperdício do dinheiro público”, disse ele. Além disso, desde 2017 o Enem não certifica o ensino médio, função que retornou ao Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). “Parte das pessoas que se inscreviam para o Enem para buscar o certificado do ensino médio migrou para o Encceja. Com as mudanças que implementamos este ano, esperamos a diminuição da diferença entre inscritos e participantes nesta edição do Enem”, falou o ministro. As notas do Enem podem ser usadas para concorrer a vagas no ensino superior pelo Sisu, a bolsas pelo Prouni e a financiamento pelo Fies.


VOLTAR