18-01-2016

Acusado de matar funcionário da Câmara Municipal de Brumado morre em confronto com a PM

Foto: Urandi Acontece

Foto: Urandi Acontece

Mateus Silva Porto, vulgo “Corrozinho” morreu na noite desse domingo, 17, em um confronto com policiais militares. Segundo informações repassadas ao site Brumado Acontece, a polícia recebeu uma denúncia anônima que Corrozinho estava na Fazenda Conceição, zona rural da cidade de Presidente Jânio Quadros, ao chegar a residência onde estava Corró, os policiais foram recebidos a tiros, houve troca de tiros e Mateus foi alvejado três vezes, os militares ainda socorreram o meliante para o Hospital Municipal Professor Magalhães Neto mas Corro acabou vindo a óbito. Mateus era suspeito de vários assaltos e confessou que na tarde de 27 de dezembro de 2015 que matou com vários tiros Mabson Aguiar Aquino, de 39 anos, muito conhecido como “Mabinho”, vigilante da Câmara de Municipal de Brumado. Dois após o homicídio Mateus foi preso por uma guarnição da CIPE/Sudoeste antiga Caesg, na ocasião corro alegou que teria confundido Mabinho com um traficante. Com o assassino foi encontrado um revólver calibre 32, um celular e um colete da polícia civil roubado na fuga que o mesmo fez na noite de sexta-feira, 15, da delegacia de Jânio Quadros.

AQUIVO ACONTECE