Braço direito de fundador de facção é morto em confronto com a polícia em Maragogipe » Rede Acontece
Últimas
22-06-2018 » Fugindo do ócio | Estádio candidato a "elefante russo" vai imitar Mané Garrincha 22-06-2018 » Rita se orgulha do camisa 9 | Professora pagava cópias de prova na escola de Gabriel Jesus 22-06-2018 » Espalhados pelo Mar Negro | A mando da Fifa, hotel da seleção tem quatro navios de patrulha 22-06-2018 » Político assassinado | Memorial de crítico ao Kremlin é confundido com comércio de flores 22-06-2018 » Opinião | Nina Lemos: Brasileiro sendo machista não é só na Copa do Mundo 22-06-2018 » Lá na Sibéria | Asteroide destruiu área maior que a de São Paulo há 110 anos 22-06-2018 » Mulher de peito | Dona da Hope prova todos os sutiãs e só vende aquilo que usaria 22-06-2018 » Vitória na acréscimos | Gol no fim alivia Neymar em dia de reclamação, broncas, VAR e choro 22-06-2018 » Ahmed Musa abre o placar para a Nigéria contra a Islândia 22-06-2018 » Situação complicou na Copa | Messi apagado? 4 questões podem explicar desempenho 22-06-2018 » Análise | Stycer: Galvão critica 'gesto artístico', mas se comove com choro de Neymar 22-06-2018 » Clima no estádio | Irritação com árbitro e sofrimento conectam torcida e seleção 22-06-2018 » 2 a 0 contra a Costa Rica | Tite vê 'aula' no 2º tempo 22-06-2018 » Laqueadura compulsória | Onde está o bebê da mulher esterelizada em Mococa (SP)? 22-06-2018 » Datafolha | Para eleitores, Lula é o mais preparado para aquecer economia 22-06-2018 » Assédio na Rússia | Russo que beijou repórter se desculpa: 'Brincadeira infeliz' 22-06-2018 » Imigração nos EUA | Menina de foto icônica não foi separada da mãe, conta pai 22-06-2018 » Luciana Gimenez "narra" jogo da seleção e diverte web com comentários 22-06-2018 » 'Meu pai fez um golaço que eu gostei demais', comemora David Lucca, filho de Neymar 22-06-2018 » Após vídeo ofensivo, colombianos se desculpam na embaixada do Japão
Publicidade
supermercado centrel clinica master grafica bandeirante centro medico sao gabriel intersorft lab laboratorio
6 de junho de 2018

Braço direito de fundador de facção é morto em confronto com a polícia em Maragogipe

Foto: Reprodução

O braço direito do fundador de uma facção criminosa foi morto em confronto com a polícia na manhã desta terça-feira (5), no município de Maragogipe, região do Recôncavo Baiano.

‘Kaká’, como era conhecido, estava escondido em um mangue junto com um comparsa, que também foi baleado e morto após reagirem à abordagem das equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope). Com eles, foram apreendidas munições de fuzil, pistolas, coletes balísticos e drogas.

O traficante e seu comparsa e gerente da facção, Harin Ferreira Galvão, 25 anos, foram socorridos, mas não resistiram.

Segundo no comando da quadrilha, Kaká vivia escondido na zona rural de Maragogipe, em uma localidade conhecida como Marianga. Ele era o homem de confiança de Adílson Souza Lima, o ‘Roceirinho’, custodiado, a pedido da Secretaria de Segurança Pública da Bahia em presídio federal. Kaká era o responsável por toda logística de distribuição de drogas, armas, munições e também determinava as execuções de rivais e de usuários devedores.

No mangue os PMs encontraram, em casas erguidas às margens, munições dos calibres 556 e 762 (fuzis), dois carregadores estendidos de calibre 45 (metralhadora), duas pistolas calibre 380, dois coletes balísticos e aproximadamente 200 porções de drogas.

Equipes do Bope continuam no mangue em busca de outros cinco integrantes da quadrilha que escaparam, após o confronto. Na parte urbana da cidade, a Patamo colocou viaturas em pontos estratégicos para evitar fugas.

“Mais uma vitória da polícia baiana. Conseguimos isolar Roceirinho em um presídio federal e agora localizamos o segundo escalão. Parabéns ao Bope que utilizou das suas técnicas em ambientes rurais para chegar nos criminosos”, declarou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Guarnições da Companhia de Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) do Batalhão de Choque e da 27ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Maragogipe) apoiaram as ações.


Tags:
VOLTAR