Brasil é um dos países candidatos a receber carros voadores do Uber » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 08-08-2020 » Andreza Delgado | Castanhari cumpre papel de instigar o conhecimento 08-08-2020 » José Simão | Era pra acabar com a mamata, não com a mata! 08-08-2020 » Julio Abramczyk | A ciência e a pandemia da covid-19 08-08-2020 » Clodoaldo Silva | Tentando voltar à normalidade 08-08-2020 » Katia Rubio | Corte no Bolsa Atleta afeta milhares de jovens 08-08-2020 » Reinaldo Azevedo | Os vazamentos e o papel da imprensa 08-08-2020 » Fernando Haddad | O julgamento de suspeição de Moro 08-08-2020 » Beatriz Resende | Grupo de risco: a idade como desqualificação 08-08-2020 » Menon | Diniz tem chance de ouro de deslanchar 08-08-2020 » Claudia Costin | Habilidades e conhecimentos na formação 08-08-2020 » Julianna Sofia | Bolsonaro vira refém do auxílio emergencial 08-08-2020 » B. Boghossian | Não será fácil Moro preservar capital político 08-08-2020 » Balaio do Kotscho | Por que Fachin queria tanto ficar na vaga de Teori 08-08-2020 » Dibradoras | O gol inesquecível da Maurine para o Brasil 08-08-2020 » André Santana | Arte negra de educar: 'Frozen' e Yemanjá 08-08-2020 » Nelson Barbosa | Taxa real de juro vem caindo desde os anos 1990 08-08-2020 » M. M. Izidoro | Como nós precisamos cuidar do mundo 08-08-2020 » Sakamoto | Dois entregadores negros e o mesmo racismo 08-08-2020 » Caio Magri | 'Vamos tocar a vida' e as 100 mil vidas perdidas 08-08-2020 » Mari Rodrigues | LGBTI+ são protagonistas de suas histórias
Publicidade
31 de agosto de 2018

Brasil é um dos países candidatos a receber carros voadores do Uber

Foto Reprodução

Depois de confirmar que o serviço de táxis aéreos vai começar em Dallas e Los Angeles, nos Estados Unidos, a Uber anunciou que haverá uma terceira cidade na aposta inicial. A empresa disse ainda que a cidade estará em um destes cinco países: Austrália, Brasil, França, Índia ou Japão. Conta o The Verge que o Uber começará agora o processo de escolher uma cidade num destes países e, a partir do momento que seja tomada a decisão, é esperado que o projeto seja implementado no espaço de cinco anos. No entanto, a decisão promete não ser fácil já que todos os países têm diferentes vantagens em relação uns aos outros. A Austrália, por exemplo, está a ter uma crescente aposta nos transportes aéreos nas áreas urbanas mas, por outro lado, o Brasil tem já centenas de helicópteros a sobrevoar as suas principais metrópoles enquanto táxis. Na França, por seu lado, é onde a Uber tem o seu centro de investigações e poderia ser mais vantajoso realizar os primeiros testes. Já o Japão e é um conhecido líder na área da inovação automóvel e transporte público e a Índia tem algumas das cidades mais congestionadas do mundo. Estima-se que a decisão seja anunciada nos próximos seis meses.


VOLTAR