Brasília no Ministério da Saúde, prefeito e secretário buscam novas conquistas para Brumado » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 19-11-2019 » Planeta vermelho | Misterioso pico de oxigênio em Marte está intrigando os cientistas 19-11-2019 » Flamengo | Ônibus Rio-Lima volta a ter problemas e fica em mecânica por 5 horas em RO 19-11-2019 » Estreia hoje | Série do UOL mostra como PCC foi de pequeno grupo a cartel internacional 19-11-2019 » Governo 'faz mais com menos' | Bolsonaro responde reportagem sobre queda de investimento em estradas 19-11-2019 » Campanha de vacinação | Vírus do sarampo abre portas para outras doenças, aponta estudo 19-11-2019 » Rumo a novo amistoso | Tite admite pressão por má fase do Brasil, mas nega desespero 19-11-2019 » Campeonato Brasileiro | Com gol contra no último minuto, Goiás empata com Vasco em 1 a 1; veja lances 19-11-2019 » Influencer de literatura | 'Escritores do Insta' seduzem editoras 19-11-2019 » A Fazenda 2019 | Netto, Rodrigo e Viny estão na nona roça 19-11-2019 » 'Tanta ignorância' | Geisy perde 7 mil seguidores após postar foto amarrada 19-11-2019 » Vasco x Goiás | Gol contra desastroso faz cruzmaltino virar piada na web 19-11-2019 » Com empresária | Eduardo Costa vive amor secreto há 5 anos, diz colunista 19-11-2019 » Ironiza o artista | Fontenelle comenta áudio vazado e reitera critica a Otaviano 19-11-2019 » Bombou no Twitter | Após dólar a R$ 4,20, internautas ironizam ato Fora, Dilma 19-11-2019 » Caso na Holanda | Diferença de tamanho entre atletas sub-15 impressiona 19-11-2019 » Litoral de SP | Corpo de turista é achado dentro de saco em Caraguatatuba 19-11-2019 » Ex-presidente é réu | Juiz Marcelo Bretas volta a barrar viagem de Temer ao exterior 19-11-2019 » Diretor de vendas assume | Presidente da Ambev renuncia para tratar de projetos pessoais 19-11-2019 » Disparos em massa e mais | WhatsApp diz ter banido 400 mil contas por violar termos na eleição de 2018 19-11-2019 » Brasil venceu o Mundial | Palmeiras lidera; em que clubes jogam e quem são os campeões sub-17
Publicidade
10 de julho de 2019

Brasília no Ministério da Saúde, prefeito e secretário buscam novas conquistas para Brumado

Foto: Divulgação

Sempre buscando avanços para o município, o prefeito Eduardo Vasconcelos, juntamente com seu secretariado, vem realizando uma série de viagens de trabalho, as quais vêm apresentando resultados muito satisfatórios. Na último terça-feira (09), acompanhado do secretário municipal de Saúde, Claudio Feres; do prefeito de Dom Basílio, Roberval de Cássia Meira e do deputado federal José Rocha; o chefe do executivo brumadense teve uma importante reunião com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, a qual teve como pauta novas e importantes conquistas para o município. A primeira delas é habilitação junto ao Ministério da Saúde da UTI do Hospital Professor Magalhães Neto, para que o custeio passa a ser feito também por meio de verbas federais, já que, atualmente Brumado vem arcando com 40% de gastos com a unidade. Outro assunto importante foi a ampliação do teto do MAC (média e alta complexidade), já que o atendimento vem tendo um crescimento muito alto nos últimos anos e, consequentemente, os custos são cada vez mais elevados. Também foi tratada a habilitação junto ao MS do Programa Melhor em Casa, que vem funcionando no município desde 2017 e apresentando excelentes resultados, mas que, atualmente, é totalmente custeado pela administração municipal. Por fim se tratou da habilitação junto ao MS dos custeios para os serviços do SAMU 192, bem como a atualização e reposição das ambulâncias, as quais já apresentam desgaste, já que tem vários anos na ativa. Segundo o prefeito o ministro foi muito receptivo e garantiu empenhar todos os esforços no atendimento às solicitações que foram feitas. No final ele foi convidado a conhecer Brumado e todos os avanços obtidos na área de saúde e aceitou o convite dizendo que irá marcar a data. O secretário Claudio Feres ficou muito satisfeito com a reunião e disse estar muito otimista na obtenção das novas verbas federais, o que fará com que os recursos atuais possam ser aplicados em outros setores prioritários.


VOLTAR