Brumado: dois réus irão a júri popular na próxima terça-feira por homicídio e dupla tentativa de homicídio no Bairro São Felix » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 04-08-2020 » Após reabertura de templos | Covid-19 dá novo salto em igrejas e atinge bispos ligados ao padre Marcelo 04-08-2020 » Em março de 2019 | Justiça identifica donos de perfis que comemoraram a morte do neto de Lula 04-08-2020 » Prejuízo estimado de R$ 94 mi | PF apreende R$ 3,5 mi em casa de alvo de ação contra suposto desvio nos Correios 04-08-2020 » Após liminar de Fachin | STF forma maioria para manter proibições de ações policiais em favelas do Rio 04-08-2020 » Educação na pandemia | Municípios têm queda orçamentária e falta de dinheiro para volta às aulas 04-08-2020 » Mais um problema para lidar | 'Sim, engordei', diz Valesca. Famosas relatam pressão estética na quarentena 04-08-2020 » Sexo pós-covid | Pandemia antecipou o futuro do sexo, que vai ser ainda mais digital 04-08-2020 » Corinthians e Palmeiras | Oswaldo Brandão, o técnico que supera as rivalidades e se tornou ídolo em times de SP 04-08-2020 » Cura para a covid-19 | Sem supervisão de autoridades, grupo busca sua própria vacina nos EUA 04-08-2020 » Morreu asfixiada no Rio | Suspeito de matar cozinheira na casa dos patrões é preso no Rio de Janeiro 04-08-2020 » Saiu de moratória técnica | Em último dia de prazo, Argentina faz acordo com credores da dívida externa 04-08-2020 » Conexão VivaBem | Cris Guerra: 'Perdi mãe, pai, marido e aprendi que não controlamos a vida' 04-08-2020 » Engavetamento no PR matou 8 | Carreta envolvida em acidente viajava no limite de velocidade, diz empresa 04-08-2020 » Ecoa | Resistência do mangue na Maré simboliza a história da favela no Rio 04-08-2020 » TAB | Bateu tesão na quarentena? É hora de saciar novos desejos no digital 04-08-2020 » Folha de São Paulo | Mulher perde pai e tio com covid-19 em 3 dias no interior de SP 04-08-2020 » Carros | BMW M235i Gran Coupé: mais caro que Série 3, sedã de 306 cv empolga 04-08-2020 » Novo patrocínio | Jequiti conversa com SP para ter perfume de Pato, genro de Silvio 04-08-2020 » 'Errei feio' | Comentarista que fez ofensa racista contra Marinho é demitido 04-08-2020 » Veículos camuflados | Novo SUV de 7 lugares da Jeep e Compass turbo são flagrados
Publicidade
7 de outubro de 2019

Brumado: dois réus irão a júri popular na próxima terça-feira por homicídio e dupla tentativa de homicídio no Bairro São Felix

Foto Sudoeste Acontece

Foram denunciados pela prática, em tese, de homicídio qualificado por motivo torpe, dissimulação e emboscada – recurso que impossibilitou a defesa da vítima, e para assegurar a vantagem de outro crime, em relação à vítima Reginaldo Cerqueira Viana, os réus Paulo Sérgio de Santana Sá e Maicon dos Santos Ramos, e mais duas tentativas de homicídio contra relação a Joab dos Santos Silva e Genivaldo Vieira Mendes. O juri acontecerá na próxima terça-feira (08) no Fórum Juíza Leonor da Silva Abreu. De acordo com a denúncia da ação penal, no dia 12 de dezembro de 2015, por volta de 18h, na Rua Chagas Diniz, 34 – Bairro São Félix, em Brumado, os acusados Paulo e Maicon mataram Reginaldo Cerqueira por motivo torpe e recurso que impossibilitou a defesa da vítima, e para assegurar a vantagem de tráfico de drogas. Ainda de acordo com a denúncia, no mesmo instante tentaram matar Joab dos Santos Silva e Genivaldo Vieira Mendes, nas circunstâncias e pelos motivos acima descritos, não consumando os homicídios porque os dois conseguiram fugir. Na data dos fatos as vítimas estavam dentro de um automóvel estacionado por falta de combustível; os acusados trafegavam de motocicleta pelo local e as vítimas pediram que eles trouxessem combustível, tendo eles negado e saído. Ocorre que minutos após retornaram, acompanhados de um adolescente, estando os três em duas motocicletas. Aproximaram-se rapidamente, Joab percebeu que estavam armados e correu, entrando em beco, tendo os elementos atirado também em sua direção. Reginaldo e Genivaldo estavam no banco do carona e os acusados, acompanhados do adolescente, começaram a atirar; Genivaldo se esquivou no assoalho do carro e, embora atingido na mandíbula, saiu correndo para um matagal; Reginaldo permaneceu dentro do automóvel e recebeu onze disparos de armas de fogo, morrendo no local. Dentro do carro havia cinquenta e quatro tubos ou pinos de cocaína, que seriam vendidos por Reginaldo em um evento no Parque de Exposições. Segundo a denúncia, a morte ocorreu porque o acusado Maicon disputava pontos de venda de drogas com a vítima, tendo o crime sido motivado para assegurar a vantagem ou lucro oriundo do tráfico de drogas.


VOLTAR