Brumado: Modera, Igreja e APLB se juntam para fazer o 24º Grito dos Excluidos » Rede Acontece
Últimas
17-11-2018 » Mensagem circulando nas redes é falsa | Não é verdade que cédulas de US$ 100 perderão o valor em 2019 17-11-2018 » Estilo agrada Bolsonaro | Brasil tem condições de adotar a política externa agressiva de Trump? 17-11-2018 » Caravana tenta entrar nos EUA | O dia em que 12 mil migrantes chegaram à Cidade do México 17-11-2018 » Resgate ainda não foi definido | Localização de submarino argentino deixa parentes de tripulantes 'chocados' 17-11-2018 » Fogo avança nos EUA | Incêndios na Califórnia deixam mais de 70 mortos e 1.000 desaparecidos 17-11-2018 » Mandou suspender pagamento | Decisão de Gilmar sobre planos econômicos é alvo de petições no STF 17-11-2018 » A partir de R$ 80 mil | Salão de SP: como é dormir no Mitsubishi L200 Motorhome? 17-11-2018 » Foco total | 36 aviões por hora: a rotina na torre de controle de Congonhas 17-11-2018 » Falou de Bolsonaro | Silvio não sabia da participação de Lula no Teleton 2008, diz SBT 17-11-2018 » Procurando emprego? | Currículo que funciona é enxuto, em tópicos e sem nenhum enfeite 17-11-2018 » Apresentador na ESPN | Luciano Amaral já foi "herói do Tetra" e pioneiro de eSports 17-11-2018 » Novo governo | Culto e 2 cerimônias: o que já se sabe sobre a posse de Bolsonaro 17-11-2018 » Programa fica sem cubanos | Será difícil repor 10 mil vagas, diz ex-chefe do Mais Médicos 17-11-2018 » Equipes fazem escoramento | Prefeitura de SP reduz risco de desabamento de viaduto que cedeu 17-11-2018 » Amistoso Brasil x Uruguai | Neymar repete com Cavani e Suárez afagos e rusgas da vida pessoal
Publicidade
10 de setembro de 2018

Brumado: Modera, Igreja e APLB se juntam para fazer o 24º Grito dos Excluidos

Foto Divulgação

Realizado pela primeira vez em 7 de setembro de 1995, o Grito dos Excluídos foi concebido para aprofundar o tema da Campanha da Fraternidade, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB. E ao longo da sua existência, o Grito passou a ter a inserção não só das pastorais sociais da Igreja Católica, como de entidades, sindicatos, grupos e movimentos sociais.

A cada ano o Grito elabora um lema que está relacionado com a conjuntura política e a luta dos movimentos sociais. Neste Ano de 2018 o lema foi “Desigualdade gera violência: basta de privilégio”, que desperta discussões sobre o aumento da violência e da desigualdade no Brasil, tendo como exemplos o retorno do País ao mapa da fome e os 12,9 milhões de desempregados, conforme dados do IBGE.

Em Brumado, o Grito dos Excluídos foi organizado pela Paróquia do Bom Jesus, APLB-Sindicato e MODERA, percorrendo o circuito oficial do Sete de Setembro. Durante a manifestação foi feito um recital e as lideranças abordaram as questões de redução dos investimentos sociais pelo Estado brasileiro, a corrupção, a redução dos direitos, a Base Nacional Comum Curricular, que limita a quantidade de disciplinas obrigatórias para o estudante brasileiro e a redução das escolas públicas na zona rural, privando as suas crianças e os seus adolescentes, da possibilidade de receberem uma educação contextualizada.

Com muita fé e emoção, evento com pastor e cantor Chris Duran celebrou o Dia do Evangélico no último sábado em Guanambi
Destaque Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018


VOLTAR