Hacker invade sistema de presídio e liberta colega » Brumado Acontece
07-12-2017

Hacker invade sistema de presídio e liberta colega

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

Ataques hackers normalmente são realizados para obter informações privilegiadas e roubar dados pessoais e bancários. O americano Konrads Voits, de 27 anos, usou os seus conhecimentos tecnológicos para uma prática ousada: ele invadiu o sistema de uma penitenciária nos Estados Unidos e alterou a data de libertação de um companheiro. Voits se declarou culpado por hackear a rede do presídio do condado de Washtenaw, no estado de Michigan nos EUA. Como explica o ‘Olhar Digital’, o criminoso também utilizou a chamada engenharia social, técnica na qual o hacker se aproveita da ingenuidade das vítimas para enganá-las. Segundo a publicação, Voits criou um site falso e registrou com o domínio ewashtenavv.org (com duas letras “v” no lugar do “w”), que pode ser facilmente confundido com ewashtenaw.org, o site oficial do condado de Washtenaw. Feito isto, ele passou a enviar o link por e-mail para funcionários da penitenciária, com o objetivo de infectar as máquinas por método de phishing. Para obter sucesso na sua missão, o hacker precisou entrar em contato por telefone com os funcionários da penitenciária. Na ligação, ele se identificou como colaborador do departamento de TI. Assim, ele convenceu as pessoas a baixar um malware sob o pretexto de “atualizar o sistema da penitenciária” e tomou o controle da rede. Feito isto, bastou acessar o software XJail, que monitorava as atividades dos detentos, e alterar as informações que desejava. Contudo, logo os funcionários do local notaram o problema e acionaram o FBI. Foi necessário contratar uma empresa especializada em planos de resposta a incidentes em TI, que cobrou US$ 235 mil pelo trabalho, para identificar o autor do ataque. Após se declarar culpado, Voits pode pegar até 10 anos de prisão e pagar uma multa de até US$ 250 mil, além de entregar todos os equipamentos eletrônicos usados, como um notebook, quatro celulares, uma placa lógica e uma quantia não divulgada de bitcoins. A sentença será definida em novo julgamento marcado para abril do ano que vem.

Tags:

Em quem você votaria para representar Brumado na Assembleia Legislativa em 2018? Castilho Viana Emanuel Araújo Genivaldo Azevedo Gilson Dias Jose Ribeiro Tiago Amorim

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

AQUIVO ACONTECE

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com