Cai número de acidentes, mas mortes aumentam no feriado » Rede Acontece
Últimas
17-11-2018 » Mensagem circulando nas redes é falsa | Não é verdade que cédulas de US$ 100 perderão o valor em 2019 17-11-2018 » Estilo agrada Bolsonaro | Brasil tem condições de adotar a política externa agressiva de Trump? 17-11-2018 » Caravana tenta entrar nos EUA | O dia em que 12 mil migrantes chegaram à Cidade do México 17-11-2018 » Resgate ainda não foi definido | Localização de submarino argentino deixa parentes de tripulantes 'chocados' 17-11-2018 » Fogo avança nos EUA | Incêndios na Califórnia deixam mais de 70 mortos e 1.000 desaparecidos 17-11-2018 » Mandou suspender pagamento | Decisão de Gilmar sobre planos econômicos é alvo de petições no STF 17-11-2018 » A partir de R$ 80 mil | Salão de SP: como é dormir no Mitsubishi L200 Motorhome? 17-11-2018 » Foco total | 36 aviões por hora: a rotina na torre de controle de Congonhas 17-11-2018 » Falou de Bolsonaro | Silvio não sabia da participação de Lula no Teleton 2008, diz SBT 17-11-2018 » Procurando emprego? | Currículo que funciona é enxuto, em tópicos e sem nenhum enfeite 17-11-2018 » Apresentador na ESPN | Luciano Amaral já foi "herói do Tetra" e pioneiro de eSports 17-11-2018 » Novo governo | Culto e 2 cerimônias: o que já se sabe sobre a posse de Bolsonaro 17-11-2018 » Programa fica sem cubanos | Será difícil repor 10 mil vagas, diz ex-chefe do Mais Médicos 17-11-2018 » Equipes fazem escoramento | Prefeitura de SP reduz risco de desabamento de viaduto que cedeu 17-11-2018 » Amistoso Brasil x Uruguai | Neymar repete com Cavani e Suárez afagos e rusgas da vida pessoal
Publicidade
11 de setembro de 2018

Cai número de acidentes, mas mortes aumentam no feriado

Foto Rede Acontece

A “Operação Independência do Brasil 2018”, que começou na última quinta-feira, 6, e terminou no domingo, 9, registrou uma queda de 15% nos acidentes ocorridos nas estradas federais que cortam a Bahia durante o feriado, em relação ao mesmo período em 2017. Entretanto, aumentou o número de mortes para nove em 2018, contra sete no ano passado, O balanço foi divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), nesta segunda, 10. Foram contabilizados 39 acidentes, sendo 15 graves: uma colisão frontal, duas por capotamento, três por atropelamento de pedestre, uma por saída de pista, uma por colisão transversal e uma última por colisão lateral. Segundo a PRF-BA, as causas foram por fatores diversos como imprudência, inabilidade, falta de cuidado e o desrespeito às Leis de Trânsito.

Ao todo, cerca de 7.503 pessoas e 6.996 veículos foram fiscalizados. Durante a ação, também foram flagrados 2.192 veículos em velocidades superiores à máxima permitida e outras 635 manobras de ultrapassagens proibidas, número equivalente a uma multa a cada sete minutos.
Crimes diversos

Os policias rodoviários ainda prenderam 21 pessoas por crimes diversos em todo o estado, além de apreender 35,6 kg de maconha e recuperar 4 veículos roubados.

Quanto as infrações, foram distribuídas 635 multas por ultrapassagens proibidas, 193 por não usar cinto de segurança, 36 por transportar criança em veículo automotor sem olhar normas de segurança e 25 por conduzir motocicleta sem usar capacete.

Mesmo com a intensificação do cumprimento da Lei Seca, dos 2.467 condutores foram submetidos a testes com etilômetro, e 92 foram notificados por dirigirem alcoolizados, infração gravíssima, que tem multa de R$ 2.934,70.


VOLTAR