China bloqueia trabalho com bebês geneticamente modificados » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 21-05-2019 » Mundial na França | Seleção feminina embarca para Copa e quer honrar pioneiras 21-05-2019 » Pode levar câmera? | Veja os itens proibidos pela organização para o show do BTS 21-05-2019 » Está com Marcola | Nº 2 do PCC pede para sair de presídio federal por falta de dignidade 21-05-2019 » Presos por corrupção | José Dirceu e Eduardo Cunha estão dividindo cela em Curitiba 21-05-2019 » Carro se partiu em 15 | Homem morre ao dirigir a 220 km/h e bater em carreta no Maranhão 21-05-2019 » Na Brasilândia | PM afasta suspeitos de agredir homem com voadora em SP 21-05-2019 » Ação de Impeachment no RJ | Empresas envolvidas em acusação contra Crivella foram negativadas após contrato ser renovado 21-05-2019 » Aviação | Câmara deve votar hoje MP que libera aérea estrangeira e mala grátis, diz líder do governo 21-05-2019 » Temem aumento da violência | Em carta aberta, 14 governadores pedem o cancelamento do decreto sobre armas 21-05-2019 » Criticou Olavo | Gritar "fora, Mourão" é uma burrice, diz general em evento pró-Bolsonaro no DF 21-05-2019 » Ação do Exército no Rio | Músico foi baleado por militares 8 vezes mesmo desacordado, diz denúncia 21-05-2019 » Barão de Cocais (MG) | "Brumadinho não sai da cabeça": como é a vida à sombra de mina que pode desmoronar 21-05-2019 » Transmissão na TV | Globo topa não multar Palmeiras e acordo se aproxima 21-05-2019 » Regras para 2020 | Conmebol veta times de 2ª divisão na Libertadores e Sul-Americana 21-05-2019 » Estreia no festival de Cannes | Crítica: Era Uma Vez em Hollywood, filme de Tarantino, é uma decepção monumental 21-05-2019 » Atos em 170 cidades | Planalto vê risco de ato pela educação afetar apoio à Reforma da Previdência 21-05-2019 » Atos marcados para domingo | Bolsonaro decide não ir a atos e orienta ministros a não participarem 21-05-2019 » Juca Kfouri | Moro não mexeu na cumbuca do futebol 21-05-2019 » Clóvis Rossi | Nicolás Maduro ganhou, oposição se rende 21-05-2019 » Diogo Schelp | Cristina Kirchner imita Putin com nomeação
Publicidade
corretora de seguros
INTERSORFT 100 MEGA
30 de novembro de 2018

China bloqueia trabalho com bebês geneticamente modificados

Foto Reprodução

O governo da China determinou nesta quinta-feira (29) a suspensão dos trabalhos da equipe médica que reivindicara a criação de bebês geneticamente modificados para serem resistentes ao vírus HIV.

O grupo é liderado pelo cientista He Jiankui, que já havia anunciado uma “pausa” em sua pesquisa na última quarta (28), após as críticas que recebera no mundo todo. Em entrevista ao canal estatal “CCTV”, o vice-ministro de Ciência e Tecnologia da China, Xu Nanping, disse que se opõe “com força” aos estudos que teriam produzido gêmeas com DNA alterado e definiu a pesquisa como “ilegal e inaceitável”.

He diz ter criado uma técnica de engenharia genética que reescreve o DNA do embrião para permitir que ele seja resistente à Aids. Gêmeas que teriam sido submetidas a esse procedimento vieram à luz no mês passado, e uma segunda gravidez está em curso. O anúncio do nascimento das gêmeas geneticamente modificadas suscitou protestos na comunidade científica, inclusive na própria China, onde mais de 120 pesquisadores assinaram uma carta chamando a técnica de “loucura”. A Comissão Nacional de Saúde abriu um inquérito para apurar o caso.

“O experimento cruzou a linha da moralidade e da ética e é chocante e inaceitável”, disse Xu. A pesquisa de He, no entanto, ainda não foi publicada em nenhum periódico científico e não pôde ser comprovada de forma independente. O gene modificado é o CCR5, usado pelo HIV para atacar o sistema imunológico do ser humano. Com informações da Ansa.


VOLTAR