CPI para investigar preços da Petrobras é desnecessária, diz Eunício » Rede Acontece
Últimas
19-10-2018 » Ao Vivo | Band realiza debate eleitoral em 6 estados e no DF; acompanhe 19-10-2018 » Corrida presidencial | Datafolha: Bolsonaro tem 59%, e Haddad, 41% dos votos válidos 19-10-2018 » Campanha dos presidenciáveis | Pode estar ressentido, diz Haddad de recusa de Ciro 19-10-2018 » Sétimo Guardião vem aí | Realidade é tão terrível que voltei para fantasia, diz Aguinaldo Silva 19-10-2018 » Nega briga política | Marquezine confirma fim de namoro com Neymar: "Decisão dele" 19-10-2018 » Cuidado | Ameaçar a vida e a integridade de alguém nas redes é crime 19-10-2018 » Profissional do game | Longe do futebol, Jean Chera se dedica ao Fifa e jogará Brasileiro 19-10-2018 » 'Lamentável' | Susto e tristeza: como a banda de Roger Waters reagiu às vaias em SP 19-10-2018 » Ainda sem data para começar | Vítimas de pedofilia serão ouvidas em projeto-piloto do Vaticano no Brasil 19-10-2018 » Testemunha relata grito de 'Bolsonaro' | Grupo tenta evitar que travesti seja enterrada como indigente em SP 19-10-2018 » Remédio Vivo | Medicamentos biológicos tratam de câncer a doença viral; entenda 18-10-2018 » Eleições nas redes sociais | Campanha de Bolsonaro notificará empresas e processará Haddad 18-10-2018 » Mais Datafolha nos Estados | No Rio, Witzel tem 61% dos votos válidos 18-10-2018 » Disputa ao Governo de SP | Doria tem 53% e França, 47% dos votos válidos, diz Datafolha 18-10-2018 » Opinião | Justiça não pode duvidar que Ustra foi torturador 18-10-2018 » Caso Bolsonaro seja eleito | Ilan se prepara para deixar BC ao fim do mandato de Temer, segundo fontes
Publicidade
30 de maio de 2018

CPI para investigar preços da Petrobras é desnecessária, diz Eunício

Foto: Marcos Brandão

A senadora Vanessa Grazziotin (PcdoB-AM) protocolou na noite da última terça-feira (29) um pedido de abertura de CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar a formação de preços de combustíveis pela Petrobras. O documento é assinado por 29 senadores, dois a mais que o exigido. Nesta quarta-feira (30), porém, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), disse que a iniciativa demonstra uma busca por protagonismo desnecessário e defendeu que a fiscalização seja feita pela ANP (Agência Nacional do Petróleo).

No pedido, os senadores argumentam que a política de preços da estatal, com reajustes diários seguindo parâmetros internacionais, se descolou do interesse nacional e da população. “A paralisação dos caminhoneiros traz à tona a falência dessa política que tem onerado o consumidor”, argumentam. Na avaliação de Eunício, a CPI é um instrumento lento. Para ele, o Congresso já cumpre seu papel nesse caso ao sabatinar e aprovar os indicados às agências reguladoras.

“Essas agências têm que ter uma participação efetiva. Abrir essa planilha, ver se é justo o preço, se tem excessos, se os acionistas da Petrobras estão ganhando demais, se tem excesso de lucro. Tudo isso não é o Congresso que tem que fazer”, disse. O presidente do Senado afirmou que vai respeitar todos os prazos estabelecidos em regimento para uma abertura de CPI. O pedido precisa ser lido em plenário e aguardar a confirmação das assinaturas. Depois, cabe aos líderes partidários indicarem os membros. Se isso não for feito, o pedido fica parado. “Para ter CPI, é preciso não ter açodamento, não fazer protagonismo, é preciso ter cuidado nessas horas de crise. […] Tem prazo, não é a vontade de um senador, é o regimento”, afirmou.


VOLTAR