Educação para Jovens oferece oportunidade de primeiro emprego na Ford » Rede Acontece
Últimas
21-08-2018 » Cotação em alta | Mercado especula com eleição, e dólar opera perto de R$ 3,97 21-08-2018 » Ex-presidente é candidato | Para acelerar caso Lula, Barroso pode abrir mão de prazos no TSE 21-08-2018 » Chove, mas continua seco | Imagens de satélite mostram que estiagem impera na maioria do NE 21-08-2018 » Uma alternativa pouco conhecida | Não tem fiador? Título de capitalização pode servir para garantir aluguel 21-08-2018 » Ideia é repetir Donald Trump | Bolsonaro diz que cometeu ato falho e que jamais pensou em sair da ONU 21-08-2018 » O craque de 13 patrocinadores | Por contrato, Neymar destina 85% do lucro com publicidade aos pais 21-08-2018 » Nova Blazer, Argo 'Cross' e mais | Confira os carros que serão lançados no Salão de São Paulo 2018 21-08-2018 » Jornalismo | Morre aos 61 anos Otavio Frias Filho, diretor de Redação da Folha 21-08-2018 » Pesquisa Ibope | Suplicy tem 28%, Covas, 17%, e Olimpio, 15% para Senado em SP 21-08-2018 » Caso Letícia Almeida | Ex-cunhada fala sobre traição de atriz e cita perdão 21-08-2018 » TV cita 'renovação' | Domingão do Faustão tem cinco bailarinas demitidas 21-08-2018 » Após oito anos | Narrador do SporTV é dispensado: 'Fui pego de surpresa' 21-08-2018 » Reality volta hoje | 5 participantes que se rebelaram contra o MasterChef 21-08-2018 » Pirâmide de sucessos | Como Goiânia virou o mais importante mercado do sertanejo 21-08-2018 » Multa e saída gratuita | Leila fala em prejuízo de R$ 100 mi com Barrios no Palmeiras 21-08-2018 » Seu corpo | Por que sentimos mais fome quando está frio? 21-08-2018 » Guerra contra a hora extra | Japão está pedindo que trabalhadores tirem uma manhã de 2ª de folga 21-08-2018 » Luto além do jornalismo | Como dramaturgo, Otavio teve sucessos e fracassos 21-08-2018 » Trajetória | Otavio esteve à frente da campanha pelas Diretas Já 21-08-2018 » Refrigerante importado? | Sem subsídio na Zona Franca, Coca-Cola ameaça deixar Brasil
Publicidade
clinica master centro medico sao gabriel lab laboratorio intersorft
16 de maio de 2016

Educação para Jovens oferece oportunidade de primeiro emprego na Ford

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

Ainda se familiarizando com a rotina de suas respectivas funções, 31 jovens baianos começaram a trabalhar no Complexo da Ford, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), na manhã desta segunda-feira (16). Eles foram beneficiados pelo Programa Ford de Educação para Jovens inspirado no programa estadual Educar para Transformar – um Pacto pela Educação. Todos frequentaram a rede pública de ensino de Camaçari e foram selecionados a partir do desempenho demonstrado na escola. Mas a seleção não parou por aí. Eles passaram por quase seis meses de preparação, que incluíram cursos de formação pessoal e também aprendizado técnico para ingressar no mercado de trabalho, representando a oportunidade do primeiro emprego. A partir de agora, os jovens serão acompanhados por seus mentores, os responsáveis por orientar os aprendizes, e muitos deles já pensam no futuro. O Programa Ford de Educação para Jovens inspirado no programa estadual Educar para Transformar – um Pacto pela Educação, busca promover a capacitação profissional de alunos da rede pública de ensino de Camaçari.Para Jamile Santos, 18 anos, a vaga no setor de Controle de Compras da Ford é motivo de orgulho para a família, principalmente para a mãe, que trabalha como copeira em uma das empresas do Pólo Petroquímico, e a avó. “Quando eu ainda participava do processo de seleção, elas já comemoravam como se já tivesse conseguido a vaga de emprego. Esse era um sonho, mas eu sequer havia sonhado, de tão distante que parecia essa oportunidade”.Com apoio do Governo do Estado, da Secretaria de Educação Municipal de Camaçari e do Sistema Ssesi/Senai, o Programa Ford acredita na oportunidade como uma forma de desenvolver os jovens e inspirar outras aspirações para a carreira profissional. Na turma desta segunda-feira (16), uma novidade – é o primeiro grupo de jovens formados especificamente para o trabalho administrativo. Para isso, eles passaram por duas etapas de formação. A primeira das etapas, a cargo do Sesi, inclui cursos comportamentais, que vão desde noções de Saúde e Segurança do Trabalho até Administração Financeira, Formação Pessoal e Social, Gerenciamento do Tempo, além de Informática Básica, Matemática, Lógica, Inglês e Comunicação. A formação técnica, em parceria com o Senai, é voltada à preparação de auxiliares nas áreas de Administração e outras atividades.


VOLTAR