Em Salvador, ‘prefeituráveis’ aguardam ansiosos resultado de pesquisa » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 29-05-2020 » Os Canalhas | Silvio Luiz cita J. Jesus e cobra mais humildade do futebol brasileiro 29-05-2020 » Bruno Guimarães endossa Neymar | Assim como o menino da vila, o meio-campista achou futebol francês 'duro' 29-05-2020 » Análise - Lei em Campo | Clubes que acabarem com time feminino podem não disputar a Libertadores 29-05-2020 » Assista a partir das 19h | Hoje tem pré-estreia da nova série 'Drauzio em Campo: Amazônia' 29-05-2020 » Durante ditadura | Documento derruba suspeita de que Raul teria delatado P. Coelho 29-05-2020 » Música hoje na web | Lives de sexta: Matheus e Kauan, Felipe Araújo, Salgadinho, Ret e mais 29-05-2020 » Telejornalismo | Gottino se demite da CNN Brasil e volta à Record como estrela 29-05-2020 » Quarentena | Justiça suspende liminar que reabriria loja da Havan em SP 29-05-2020 » Sem luvas | Tyson vai receber US$ 20 milhões por volta; compare lutas 29-05-2020 » Hoje, a partir das 17h | Estúdio UOL em Casa: 5 fatos que você não sabia sobre Melim 29-05-2020 » Jogo contra Juventus | Por que título de 51 do Palmeiras não passa na TV e como ver imagens 29-05-2020 » Com Steve Carell | 'Space Force' não é 'The Office no espaço', mas vai te divertir 29-05-2020 » Caso Bilynskyj, em SP | Secretaria: Polícia errou ao contar fuzil a mais em casa de delegado 29-05-2020 » Carlos Affonso | Opinião: Brasil não precisa importar nova regra de Trump sobre redes sociais 29-05-2020 » Mercado de videogames | Preço do Switch mais do que dobra desde janeiro, e situação pode ficar muito pior 29-05-2020 » Mercado financeiro | Investe em fundos? O imposto come-cotas tirará um pouco do seu ganho hoje 29-05-2020 » Sevilla x Betis dia 11 | Espanhol oficializa retorno com clássico e jogos em quase todos os dias 29-05-2020 » Coronel vai chefiar a Funasa | Governo dá a partido do centrão presidência de órgão bilionário da Saúde 29-05-2020 » Entrevista ao UOL | Blefando, Bolsonaro acha que vai fazer o Supremo se ajoelhar, diz Dirceu 29-05-2020 » Tratava um câncer | Jornalista e escritor Gilberto Dimenstein morre aos 63 anos em São Paulo
Publicidade
31 de julho de 2019

Em Salvador, ‘prefeituráveis’ aguardam ansiosos resultado de pesquisa

Fotos: Divulgação / Valter Pontes / Felipe Oliveira

Os bastidores da política baiana tendem a ficar mais agitados com a aproximação de uma pesquisa de intenção de votos para a eleição do ano que vem, em Salvador, que será divulgada por uma emissora de TV local. Alguns dos nomes ventilados para a disputa do Palácio Thomé de Souza aguardam o resultado do levantamento para traçar estratégias neste segundo semestre de 2019, segundo apurou o site. Apontado como candidato natural de ACM Neto, Bruno Reis (DEM) tem aproveitado inaugurações de praças, campos e obras menores da Prefeitura para se apresentar às comunidades mais afastadas do centro da capital. Nos bastidores, costuma dizer que “não abre nem para uma carreta” sobre a hipótese de suceder o prefeito e espera ver um crescimento em relação à última pesquisa, do Instituto Paraná, na qual apareceu bem posicionado. Léo Prates (DEM), atual secretário de Saúde, ganhou uma vitrine de ouro a cerca de um ano da eleição. Tem conversado com partidos do governo e da oposição, se mostrando conciliador ou, como gosta de dizer, um “construtor de pontes”. Partidos como PDT e PSB o querem em seus quadros como cabeça de chapa. Se aparecer bem colocado na pesquisa, Léo, que também é homem de confiança de Neto, passa a ser uma ameaça real a Bruno. Geraldo Jr. (SD), presidente da Câmara de Vereadores, corre para se tornar conhecido da população, assim como os demais, e conversa com diferentes forças políticas do estado. Geraldinho, como é conhecido, já conta com o apoio público de diversos partidos e figuras políticas importantes que o querem como representante maior de um projeto político na cidade. Mais conhecidos do que os demais, Guilherme Bellintani, projetado pelo cargo no Bahia, e José Eduardo, apresentador líder de audiência, não querem aventura no ano que vem. No caso dos dois, a pesquisa é ainda mais valiosa porque dará – ou não – sinal verde para o início da empreitada. Também atentos estão os deputados federais Bacelar, do Podemos, Isidório, do Avante, e Alice Portugal (PCdoB). No PT, a expectativa é em relação a qual dos nomes que se colocaram disponíveis para a eleição até agora estará melhor posicionado.


VOLTAR