Em último programa, Boechat criticou impunidade em tragédias recentes » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 25-05-2020 » 'Errei por acreditar' | Editor do Jabuti se retrata por minimizar covid-19 25-05-2020 » 'Vivendo quem sou' | Ex-militar e mulher trans viraliza na web com transformação 25-05-2020 » 'Vai ter que pagar' | Ludmilla decide ir à delegacia após acusações de traição 25-05-2020 » Carrão barulhento? | Homem se vinga e 'silencia' o Mustang do vizinho nos EUA 25-05-2020 » Ao Vivo | Globonews: repórter é interrompido por gritos de insultos 25-05-2020 » Em recente acordo | Hulk Paraíba deu à ex-mulher R$ 71 mi em bens e imóveis 25-05-2020 » Revelações ousadas | Simaria diz gostar de usar salto na hora do sexo 25-05-2020 » Complicações do câncer | Vadão, ex-técnico da seleção feminina, morre aos 63 anos 25-05-2020 » Pandemia no país | Isolamento em SP chega a 55% ontem e atinge melhor índice desde início de maio 25-05-2020 » Ação policial no Rio | Após morte de João Pedro, MPF pede que PF só realize operações urgentes 25-05-2020 » Fomento à economia | Saque de R$ 1.045 do FGTS: quem recebe e quando será? Veja o que se sabe 25-05-2020 » Carro e caminhonete colidiram | Acidente deixa 5 mortos em Mogi das Cruzes (SP) 25-05-2020 » Em busca da cura para covid-19 | Estudos em macacos se mostram promissores com vacina e imunização 25-05-2020 » Governo | Bolsonaro sanciona lei que autoriza recomposição salarial de policiais do DF 25-05-2020 » Negociações do governo | Indicados pelo centrão e nomeados por Bolsonaro já tiveram cargos na oposição 25-05-2020 » UOL Debate | 'O que há de mais leve em vídeo da reunião é questão da PF', diz professor 25-05-2020 » Nem atores sabiam de reviravolta | Mark Hamill revela segredo da produção de 'O Império Contra-Ataca' 25-05-2020 » Josias de Souza | Bolsonaro unifica STF ao alvejar Celso de Mello 25-05-2020 » M. Alencastro | Com revolta latina, Macron concretiza União Europeia 25-05-2020 » Luiz Felipe Pondé | Os paranoicos venceram no novo normal
Publicidade
11 de fevereiro de 2019

Em último programa, Boechat criticou impunidade em tragédias recentes

Foto Reprodução

Horas antes do acidente de helicóptero que matou Ricardo Boechat, o jornalista falou ao vivo em seu programa na rádio Band News FM sobre as recentes tragédias ocorridas no Brasil, criticando a falta de punição em eventos anteriores que poderia ter tido como consequência indireta a não ocorrência dos casos de Brumadinho e do Ninho do Urubu, no Flamengo. “A culpa (no caso de Brumadinho) está no campo da Vale, da fiscalização, e a cumplicidade está no Judiciário, que de Mariana para cá pouco fez para dar efetividade às sanções, que poderiam ter feito de Mariana um exemplo não só para a Vale, mas para as mineradoras, que sabendo que coisas como essa produziriam punições significativas no campo penal contra executivos, fiscais corruptos e omissos, legisladores, cúmplices, talvez não tivéssemos agora essa quantidade de mortes em Brumadinho”, afirmou.”A impunidade é o que rege, comanda, a orquestra das tragédias nacionais”, completou. “Quando a gente chora, lamenta, parecemos estar anestesiados ou gostar da anestesia que nos faz esquecer desse fato tão logo surge o fato de amanhã que terá o mesmo tratamento”, complementou. Aos 66 anos, Boechat voava da capital paulista para a cidade de Campinas, onde faria uma palestra, quando o helicóptero que o transportava caiu em pista do Rodoanel, na Grande São Paulo.


VOLTAR