Firefox e Microsoft Edge estão com falhas de segurança, diz Google » Rede Acontece
Últimas
18-11-2018 » Aquecimento global | Ártico derrete 13% por década; Polo Norte pode não ter gelo no verão 18-11-2018 » Tecnologia de ponta | Navio e drones ajudaram a encontrar submarino argentino desaparecido 18-11-2018 » Maioria é de advogados | Em 6 meses, Lula recebe 572 visitas na sede da PF em Curitiba 18-11-2018 » Completa 25 anos | 'Somos vintage, nunca saímos de moda', diz grupo É o Tchan 18-11-2018 » Seleção brasileira | Indiscutível, Casemiro é 'problema' para Tite por não ter reserva 18-11-2018 » Sedã icônico | Estrela do Salão de SP, novo BMW Série 3 será vendido e feito no Brasil 18-11-2018 » Ex-SP foi assassinado | Caso Daniel e como o futebol age contra jogador 'todo-poderoso' 18-11-2018 » Ricardo Feltrin | Ruptura nem pensar: SBT fatura milhões ao ano com Claudia Leitte 18-11-2018 » Tentam manter relevância | Partidos derrotados buscam reinvenção após pleito polarizado 18-11-2018 » Contrapartida a aumento | Juízes querem que STF deixe para 2019 análise do fim do auxílio-moradia 18-11-2018 » Mais Brasileirão | Palmeiras enfrenta o Paraná para pôr mão na taça e passar rival 18-11-2018 » Bateu Vasco por 1 a 0 | Aliviado, Corinthians só pensa em 'terminar o ano com dignidade' 18-11-2018 » Localizado após 1 ano | Resgate de submarino poderia pôr em risco outras vidas, diz juíza 18-11-2018 » Programa federal | Não são só cubanos do Mais Médicos que não precisam fazer o Revalida; entenda 18-11-2018 » Vai chefiar Agricultura | Parceira da JBS, futura ministra deu incentivos fiscais à empresa em MS 18-11-2018 » Portões abrem às 12h | Unicamp tem 1ª fase hoje; veja o que levar e esperar da prova 18-11-2018 » Investimentos | Com fim da queda de preços, cenário é bom para comprar imóveis
Publicidade
27 de junho de 2018

Firefox e Microsoft Edge estão com falhas de segurança, diz Google

Foto: Reprodução

Um investigador da Google chamado Jake Archibald descobriu falhas nos navegadores de empresas rivais, especificamente no Mozilla Firefox e no Microsoft Edge. De acordo com Archibald, estes navegadores conseguem recolher dados de contas de outros sites que tenham sido acessados pelos usuários. “Os erros começaram quando os navegadores implementaram solicitações de alcance para elementos de media, que não eram cobertos pelo padrão. Estas solicitações de alcance eram genuinamente úteis, portanto, todos os navegadores copiaram o comportamento uns dos outros, mas ninguém os integrou no padrão”, afirma Archibald em conversa com o The Hack News. Uma vez tornada pública este bug, tanto a Microsoft como a Mozilla lançaram atualizações para os respectivos serviços, por isso, já não há motivo para preocupação.


VOLTAR