Geddel Vieira Lima vira réu no caso do prédio La Vue » Rede Acontece
Últimas
17-02-2019 » Acidente matou Boechat | Mãe de piloto de helicóptero morre três dias depois do filho 17-02-2019 » Crise no Planalto | Bolsonaro já assinou saída de Bebianno, dizem interlocutores 17-02-2019 » E o coração aguenta? | Maiara e Maraisa lavam alma sertaneja com sofrência e Jenifer no festival 17-02-2019 » Chegou chegando | Ludmilla põe público do CarnaUOL para rebolar e dançar até o chão com funk 17-02-2019 » Chicleeeeete! | Show de Bell Marques faz evento tremer com sucessos da BA 17-02-2019 » Primeira atração | Abertura do CarnaUOL tem clima de micareta com a Banda Eva 17-02-2019 » De olho nos ponteiros | Horário de verão no Brasil terminou; atrase relógio em 1 hora 17-02-2019 » 1ª negra na posição | Maju estreia na bancada do JN com elogios e improviso 17-02-2019 » Deslizamento em Mauá | Bombeiros buscam por 2 crianças soterradas na Grande São Paulo 17-02-2019 » Taça Guanabara | Justiça determina final com portões fechados após pedido do Flu 17-02-2019 » Papo com Mazzafera | No CarnaUOL, Ludmilla diz que nunca transou em 1º encontro: 'Sou careta' 17-02-2019 » Um ano após tiroteio nos EUA | Alunos, pais, policiais e professores falam sobre tragédia em Parkland 17-02-2019 » Destaque do CarnaUOL | Mariana Xavier conta a Mazzafera qual foi a pior cantada que já ouviu 17-02-2019 » Em São Paulo | CarnaUOL vibra com eletrônico de Alok 17-02-2019 » Bombeiros, Defesa Civil e PM já atuam | Moradores de Nova Lima (MG) deixam casas por risco em barragem
Publicidade
10 de julho de 2018

Geddel Vieira Lima vira réu no caso do prédio La Vue

Foto Rede Acontece

O ex-ministro Geddel Vieira Lima se tornou réu em uma ação de improbidade administrativa no caso do prédio La Vue. Segundo o G1, a decisão foi da juíza Diana Wanderlei, da 5ª Vara da Justiça Federal, do Distrito Federal.

Em 2016, o então ministro da Cultura Marcelo Calero pediu demissão do cargo alegando que Geddel o havia pressionado a liberar a construção do prédio em que tinha um apartamento, na Ladeira da Barra, em Salvador, que estava embargada por um órgão do Ministério da Cultura.

Por causa da polêmica, Geddel pediu demissão do cargo de ministro da Secretaria de Governo.


VOLTAR