Governo Federal decide usar FGTS para bancar programa Minha Casa Minha Vida » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 23-09-2019 » Comissária da ONU | Bachelet diz que existem "muitas dúvidas" sobre processo contra Lula 23-09-2019 » Premiação da TV | Emmy coroa Game of Thrones como melhor série dramática 23-09-2019 » Marido foi assassinado | A TV, deputada Flordelis diz que foi vítima de tentativa de extorsão 23-09-2019 » 1 a 0 na 6ª rodada | Neymar supera pressão da torcida do Lyon e faz gol da vitória do PSG 23-09-2019 » Governador do Maranhão | UOL transmite hoje Roda Viva com Flávio Dino 23-09-2019 » Diversidade | Apesar da chuva, Parada LGBTI do Rio reúne multidão em Copacabana 23-09-2019 » Perrone | Falta mais preparo físico do que raça ao Corinthians 23-09-2019 » Antonio Prata | A verdade deixou o condomínio dos fatos há uns anos 23-09-2019 » Brasilianismo | Destruir Amazônia: crime contra humanidade 23-09-2019 » Felipe Santa Cruz | Vetos desfiguram a lei sobre abuso de autoridade 23-09-2019 » Julio Gomes | Odair merece críticas, mas não demissão 23-09-2019 » Fernanda Torres | Lenga-lenga dos burocratas que conspiram o poder 23-09-2019 » Marcos Lisboa | O investimento público como aspirina: de novo? 23-09-2019 » Mauricio Stycer | Há duas décadas estreava o Big Brother na Europa 23-09-2019 » Mauro Cezar | Vergonha: Flu e Cruzeiro na zona de rebaixamento 23-09-2019 » Elio Gaspari | Juiz Bretas retoma um costume da ditadura brasileira 23-09-2019 » Reinaldo Lopes | Fósseis ajudam a reconstruir som de crocodilo extinto 23-09-2019 » Ricardo Viveiros | Momento exige coragem; nem tudo está perdido 23-09-2019 » Tradição da Assembleia | FHC só abriu ONU uma vez; Lula perdeu duas; Bolsonaro estreia terça 23-09-2019 » Novo fenômeno | Olimpíada-2020 deve ter atletas de 11 anos no skate. É muito cedo?
Publicidade
11 de setembro de 2019

Governo Federal decide usar FGTS para bancar programa Minha Casa Minha Vida

Foto Rede Acontece

Com orçamento apertado e com dificuldades para bancar os subsídios do Minha Casa Minha Vida, o Governo Federal decidiu utilizar o FGTS, fundo formado com recurso da poupança forçada dos trabalhadores, para custear a totalidade do Minha Casa Minha Vida destinada a famílias com renda até R$ 4 mil. De acordo com portaria publicada em edição extra do Diário Oficial da União, nesta terça-feira (10), a medida deve destravar R$ 26,2 bilhões em investimentos do programa. A regra do FGTS determina que o fundo pague 90% da compra de um imóvel, enquanto os outros 10% ficam sob a responsabilidade da União. No entanto, quando não há pagamento deste valor, a operação fica travada, uma vez que a Caixa Econômica Federal não autoriza empréstimos apenas com a quota do FGTS. A portaria do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) altera essa regra e prevê, que a partir de agora, o FGTS pode bancar 100% dos subsídios. Vários empreendimentos estão prontos. Isso vai ativar a economia, com a injeção de recursos. O mercado vai voar”, afirmou o ministro Gustavo Canuto. A medida está prevista até o final deste ano, mas, segundo o gestor da pasta, é possível que se estenda até 2020, em razão do aperto no orçamento do governo. Para 2019, o limite de subsídios destinado ao programa foi de R$ 450 bilhões, dinheiro que já acabou. Com a mudança, a partir desta quarta-feira (11), a Caixa deve liberar novas contratações para o programa. “O mercado pode respirar aliviado”, disse Canuto. Do valor que será liberado, R$ 21,3 bilhões são em financiamentos e R$ 4,9 bilhões em subsídios para famílias com renda até 4 salários mínimos. Ainda segundo o ministro, os financiamentos serão liberados por ordem cronológica, ou seja, quem chegar primeira e solicitar, leva. Canuto também ressaltou que a medida vai gerar um impacto significativo na economia nacional, principalmente para o setor da construção, e, para o FGTS, ele declarou que não vai haver impactos.


VOLTAR