Jornalista da BBC diz que emissora procura provas que Rússia ganha com protestos em Paris  » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 21-07-2019 » Jogo de terça é em Mendoza | Palmeiras ficará em Buenos Aires após problema em voo e 10 horas dentro de avião 21-07-2019 » Caso Flordelis | 'Não pode acabar em pizza', diz filho de deputada sobre morte de pastor no RJ 21-07-2019 » Considerados políticos | Exército enquadra tuítes de militares da ativa 21-07-2019 » Novo vazamento de mensagens | Deltan receou comentar caso Flávio e questionou reação de Moro 21-07-2019 » Órgão atacado por Bolsonaro | Após acusação de publicação de dados desonestos, cientistas defendem o Inpe 21-07-2019 » Mentora da lei do feminicídio | 'Quando se tem uma ministra que crê que mulher é inferior, tudo pode acontecer' 21-07-2019 » Na GloboNews | José Roberto Burnier pede licença para se tratar de um câncer 21-07-2019 » De cobertura | Jogador do Fortaleza faz gol contra do meio de campo; assista 21-07-2019 » Agressão no Beira-Rio | STJD vai analisar imagens, e Inter pode ser punido 21-07-2019 » San Diego Comic-Con | Marvel lançará 10 produções até 2021; Portman será Thor 21-07-2019 » Após fala sobre nordestinos | Bolsonaro chama de 'melancia' general que o criticou 21-07-2019 » Ministério ainda não confirma | Em suposto áudio de caminhoneiros, ministro suspende tabela do frete 21-07-2019 » Samuel Pêssoa | Velha esquerda no país morrerá de morte morrida 21-07-2019 » Antônio Prata | Uma mesma palavra e tantos significados 21-07-2019 » Perrone | Hostilidade de palmeirenses não é normal 21-07-2019 » A. Pellegrino | Surfistinha é o pânico de homens como o presidente 21-07-2019 » Reinaldo Azevedo | Por qual crime Bolsonaro será deposto? 21-07-2019 » Diogo Schelp | Por que 'guerra' em Hong Kong continua? 21-07-2019 » Josias de Souza | Língua de Bolsonaro ganhou vida própria 21-07-2019 » Drauzio Varella | Fatalismo deve ser substituído por práticas saudáveis
Publicidade
16 de dezembro de 2018

Jornalista da BBC diz que emissora procura provas que Rússia ganha com protestos em Paris 

Sputnik / Julien Mattia

Uma correspondente da BBC admitiu que a emissora está em busca de quaisquer provas de um alegado papel da Rússia nos protestos dos “coletes amarelos” em Paris, exigindo que seus jornalistas busquem quaisquer pistas que apontem para Moscou. A redação da Sputnik obteve a correspondência da jornalista da BBC Rússia, Olga Ivshina, com uma observadora que cobria nas redes sociais os protestos dos “coletes amarelos” que decorrem na França. A correspondente da BBC está tentando descobrir, na troca de mensagens, se a Rússia tem algo a ver com os protestos na capital francesa. A observadora, por sua vez, explica que ela não viu nenhum russo nos protestos. Entretanto, a correspondente da BBC não ficou satisfeita com essa resposta. A jornalista da BBC explicou que ela estava “procurando por vários ângulos” porque a emissora estava “saindo em busca de sangue”. A notícia chega em um momento em que o ministro das Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian, afirmou em 9 de dezembro que o Secretariado-Geral da Defesa e Segurança Nacional da França (SGDSN) está investigando reportagens sobre uma suposta interferência da Rússia nos Anteriormente, o jornal britânico The Times informou que foram encontradas centenas de contas no Twitter, supostamente ligadas à Rússia, alimentando os protestos dos “coletes amarelos”, através da publicação de fotos de manifestantes feridos e de retweets de mensagens relacionados com os distúrbios. O Kremlin, por sua vez, sublinhou que a Rússia considera os protestos como um assunto interno da França, e classificou como calúnia as acusações de uma alegada interferência russa.


VOLTAR