Justiça Eleitoral cassa mandato de três vereadores de Seabra » Rede Acontece
Últimas
20-04-2019 » Octa italiano | CR7 celebra título e diz que fica na Juventus: '1000% de certeza' 20-04-2019 » Decide Paulista contra o SP | Corinthians confirma desfalque de Junior Urso para final 20-04-2019 » Análise de especialistas | Inquérito de Toffoli deixa fraturas na relação do STF com os outros poderes 20-04-2019 » Funk de luto | MC Sapão é enterrado com presença de amigos, família e fãs 20-04-2019 » Um estranho no ninho | Senador sem partido há 3 anos relata 'desdém' de colegas 20-04-2019 » Revisão de vídeo é criticada | Árbitros admitem demora com VAR e pedem 'isolamento' de jogadores 20-04-2019 » Em teste no Brasil | Entenda o voucher, nova forma de pagamento do Uber 20-04-2019 » Em entrada de banco | Santos dá nova bicicleta para Sampaoli após outra ser furtada 20-04-2019 » Caso de 2018 | Justiça dos EUA manda prender lutador Ralph Gracie por agressão 20-04-2019 » No Arpoador | Turista tem celular roubado enquanto fazia selfie no Rio; veja 20-04-2019 » Tragédia em Brumadinho (MG) | Polícia tira 5 nomes e lista de desaparecidos cai a 41 20-04-2019 » Ameaçam parar dia 29 | 'Governo molha lenha seca na gasolina e joga na fogueira', diz líder de caminhoneiros 20-04-2019 » Atualizou rotas afetadas | Em crise, Avianca cancela mais de 1.300 voos até o dia 28 20-04-2019 » Nova Previdência tramita no Congresso | Pela reforma, governo prepara compensação previdenciária a estados 20-04-2019 » Histórias engraçadas e emocionantes | 'Já fui parar no hospital por causa da Xuxa', o relato de uma repórter 20-04-2019 » Alimentação saudável | Brócolis tem proteína? Conheça o top 10 dos legumes e verduras 20-04-2019 » UOL Confere | É falsa mensagem nas redes que diz que Moro pediu o fim do IPVA
Publicidade
corretora de seguros
INTERSORFT 100 MEGA
11 de julho de 2018

Justiça Eleitoral cassa mandato de três vereadores de Seabra

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

O juiz Pablo Venício Novais Silva, da 88ª Zona Eleitoral, determinou a cassação do mandato eletivo de três vereadores da cidade de Seabra. A sentença expedida no último dia 9 foi publicada no Diário Oficial da Justiça Eleitoral nesta quarta-feira (11).

A ação de impugnação de mandato eletivo foi movida por Vilson Ourives de Souza e Alberto Cláudio Sobral Lima de Souza contra a coligação proporcional Unidos por uma Seabra Melhor nas eleições de 2016. O grupo denunciado era formado por PRB, PDT e PR. O argumento apresentado pelos denunciantes e acolhido pela Justiça Eleitoral aponta que a coligação teve duas candidaturas fictícias de mulheres apenas para preencher a cota de gênero.

Com a decisão do juiz eleitoral, perdem os cargos os vereadores Marcos Pires Ferreira Vaz (PDT), Selson José de Souza (PRB) e Lília Carneiro da Silva (PDT).

Em sua defesa, a coligação afirmou que obedeceu os regramentos vigentes quanto à cotas de gênero.

A Promotoria Eleitoral apresentou parecer opinando pela existência de fraude na formação da coligação. “Mostra-se no caso em tela
possível enquadrar o lançamento de candidatura fictícia, com o desiderato único de ludibriar a Justiça Eleitoral no momento do registro (…)”, disse a promotoria.

“Ressalta aos olhos o fato da “candidata” Ana Cristina Carneiro da Silva” ser irmã da Candidata eleita Lília Carneiro da Silvas. E tanto ela
quanto Rilma Pondé não demostraram terem feito quaisquer ato de campanha. Soma-se ao fato de não terem produzido qualquer material de
campanha, não terem efetuado qualquer despesa para essa finalidade, e de terem, um voto, uma e zero voto a autora, deixa claro e evidente
que de fato as mencionadas pessoas nunca concorreram, não foram candidatas”, afirmou o juiz eleitoral em sua sentença.


VOLTAR