Brumado: Justiça solta acusado de tráfico de drogas por superlotação da Cadeia » Rede Acontece
Últimas
16-01-2019 » Se diz explorada | Rihanna abre processo contra o próprio pai, Ronald Fenty; entenda 16-01-2019 » Contas | Veja 7 dicas para economizar na compra de material escolar 16-01-2019 » Loterias | Mega acumula e pode pagar R$ 27 milhões na quinta; veja dezenas 16-01-2019 » Copa São Paulo | Figueirense elimina Palmeiras, que mantém jejum na competição 16-01-2019 » Fim de contrato | Acusado de assédio, José Mayer deixa a Globo após 35 anos 16-01-2019 » Medida é considerada ilegal | Sindicatos querem tirar reajuste salarial de quem não pagar contribuição 16-01-2019 » Italiano preso | Bolívia descarta atuação brasileira em captura de Battisti 16-01-2019 » Querem implantar no Brasil | Bancada do PSL vai à China importar sistema que reconhece rostos 16-01-2019 » Ministro da Justiça | Para Moro, críticas indicam que decreto de posse de arma foi "ponderado" 16-01-2019 » Presidência da Câmara | Esquerda não chega a acordo e pode liberar voto de deputados 16-01-2019 » Assinado por Bolsonaro | Decreto frustra defensores de acesso a armas; indústria aprova 16-01-2019 » 1ª visita de chefe de Estado | Macri vem ao Brasil e discute com Bolsonaro Mercosul e Venezuela 16-01-2019 » Antes de tomar posse | Bolsonaro recebeu R$ 33,7 mil de auxílio-mudança da Câmara 16-01-2019 » Combustível feito em um único local | Parada em refinaria da Petrobras deixa aviões agrícolas sem gasolina 16-01-2019 » 'Frankenstein' de 2018 | Misturamos modelos de celulares para criar o 'aparelho dos sonhos' 16-01-2019 » Interpretação de mapa astral | Para de ser doida! Sense Márcia analisa a vida da youtuber Evelyn Regly
Publicidade
21 de fevereiro de 2017

Brumado: Justiça solta acusado de tráfico de drogas por superlotação da Cadeia

FOTO: BRUMADO ACONTECE

FOTO: BRUMADO ACONTECE

Tailan dos Santos Santiago, que estava preso e denunciado por tráfico de drogas, fato ocorrido em 20 de outubro de 2016, no bairro São Félix em Brumado foi solto. De acordo com a denúncia, a polícia estava em ronda de rotina e efetuou a busca nas imediações onde se encontrava o réu e próximo ao mesmo em um matagal, a polícia encontrou cerca de 73,9g de maconha, que ele havia descartado. Ainda segundo a denúncia, o réu confessou que pretendia comercializar a droga. O acusado foi preso em flagrante e posto em liberdade para aguardar o julgamento. A justiça já marcou a audiência, mas até lá, considerando que o réu reside nessa cidade, ainda não registrava outro envolvimento em crime, e, ainda, o elevado número de detentos na carceragem, substituo sua prisão preventiva pelas seguintes medidas, que deverão ser cumpridas sob pena de revogação do benefício: 1) não mudar de residência, nem dela se ausentar por mais de dez dias, sem autorização judicial; 2) recolher-se diariamente em sua residência ou local de trabalho, das 20h às 5h; 3) comparecer pessoalmente à audiência acima mencionada.


VOLTAR