Livramento: Policia Civil prende coordenador do Retran por suspeitas de emplacamento irregular » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 23-08-2019 » Meio ambiente | Bolsonaro convoca gabinete de crise para tratar da Amazônia 23-08-2019 » Desmatamento | Atos pela Amazônia devem ocorrer em pelo menos 40 cidades do Brasil 23-08-2019 » Julgamento foi suspenso | STF forma maioria contra redução de jornada e salário de servidor público 23-08-2019 » Encontro de delegados na BA | Policiais da PF elevam críticas a Bolsonaro e não poupam nem Moro 23-08-2019 » Por Previdência | Um terço do que governo quer remanejar é corte da Educação 23-08-2019 » Plateia no RS ficou indignada | Em Gramado, chefe da Ancine diz que suspensão de edital foi 'convite ao diálogo' 23-08-2019 » Veja como | Seguro do seu carro pode baixar mais de 10% com peça paralela 23-08-2019 » Veja detalhes | Entramos no Taycan, 1º Porsche elétrico: meta é ser um esportivo único 23-08-2019 » Segundo secretaria | SP receberá vacinas, e campanha contra sarampo está mantida 23-08-2019 » Defesa nega | Atriz acusa diretor de filme de Marquezine de assédio: 'Foi horrível' 23-08-2019 » Ilegal e perigoso | Mais de 4 milhões têm 'gatonet'; veja os riscos das caixas de TV pirata 23-08-2019 » Filho do presidente | Flávio usou casa penhorada por dívida em entrevista a TV 23-08-2019 » Santos está na ponta | Quem vai terminar 1º turno do Brasileiro na liderança? Blogueiros opinam 23-08-2019 » 'Essa coisa não é simples' | Relator da reforma da Previdência no Senado adia entrega de parecer 23-08-2019 » Flexibiliza regra trabalhista | Entenda as principais mudanças da MP da Liberdade Econômica 23-08-2019 » Educação | MEC troca chefia de órgão que cuida do Enem pela 4ª vez e nomeia general 23-08-2019 » Laura Carvalho | Abaixo do piso, há a barbárie dita por Drauzio Varella 23-08-2019 » Sakamoto | Bolsonaro queima o filme do Brasil com o mundo 23-08-2019 » Menon | Rodrigo Caio colocou Guerrero no bolso 23-08-2019 » Schneider | Fundeb no fim: quanto vale a educação?
Publicidade
1 de fevereiro de 2019

Livramento: Policia Civil prende coordenador do Retran por suspeitas de emplacamento irregular

Brumado Acontece

Na tarde desta sexta-feira (1), investigadores da Polícia Civil, prenderam Edelson Dourado Castro, coordenador do Retran, da cidade Livramento de Nossa Senhora, por suspeitas de emplacamento irregular feito no órgão no município.  Segundo a polícia, a prisão foi acompanhada de representante da corregedoria do Detran, o qual passa a noticiar o seguinte: na data de 24/01/2019 obteve informação, através de um despachante da cidade de Itabuna, que alegava ter sido solicitado a realizar um serviço de 1º. emplacamento veicular, e ao analisar a documentação enviada por e-mail, verificou-se a inautenticidade da nota fiscal, bem como, a explicita montagem do comprovante de endereço. Desta forma, através dos nomes apresentados na nota fiscal repassada ao comunicante, o Detran passou a pesquisar as Ciretrans que poderiam realizar este tipo de serviço. No dia 24/01/2019, no período da tarde, constatou-se que havia sido realizado dois serviços de primeiro emplacamento de forma suspeita de fraude contendo os mesmos documentos apresentados ao despachante de Itabuna, somente mudando o comprovante de endereço, serviço este realizado na Ciretran de Itapetinga e foi deslocada no dia 25/01/2019 uma equipe da corregedoria do Detran para a cidade de Itapetinga, com vistas a identificar o processo físico de primeiro emplacamento, o que se tornou impossível, pois, os processos foram extraviados. Após aguardar a entrega do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo CRLV para o solicitante, que foi realizado na praça central da cidade de Itapetinga, cominando dessa forma com a prisão em flagrante delito dos solicitantes do serviço: Pablo Dean Novais dos Anjos Silva e Givanildo Tavares Souza. Com a apuração em curso, visando identificar os responsáveis por diversos emplacamentos irregulares no estado da Bahia, mais precisamente nos municípios de Vitória da Conquista, Itabuna, Itapetinga e Livramento de Nossa Senhora, oportunidade em que foi perguntado ao flagranteado Givanildo Tavares Souza se ele já tinha emplacado veículos no município de Livramento de Nossa Senhora, tendo o mesmo respondido afirmativamente, indicando, ainda, uma terceira pessoa, a qual tinha acesso para realizar referido serviço, efetuando pagamento, inclusive, por depósito bancário. Questionado sobre o nome desse terceiro pessoa, informou não se recordar, porém, apresentou um comprovante de pagamento efetivado através de depósito em conta corrente, que trazia como titular da conta bancária (Banco do Brasil) a pessoa de Edelson Dourado Castro, coordenador da Retran de Livramento de Nossa Senhora. De posse destas informações, o comunicante avaliou os processos que estavam sob investigação, sendo possível identificar Edelson, suspeito de ser o responsável por 04 serviços de primeiro emplacamento; sempre utilizando o mesmo “modus operandi”, emplacamento de veículos de luxo, modelo Toyota Hilux. Após inquirir em termo de declarações a pessoa de Edelson, em feito investigatório sumário administrativo da corregedoria do Detran ficou constatado que o mesmo recebeu valor pecuniário para a realização do serviço irregular, conforme indicado pelo flagranteado em Itapetinga (Givanildo), porém, Dourado informou, em termo próprio, que havia cedido seus dados bancários para o seu coordenador de prenome “Kleber Leal” e que na mesma data do depósito efetuou saque do numerário e repassou a quantia monetária ao senhor de prenome “Kleber Leal”. Dourado indicou, também, que teve contato com a pessoa de Givanildo, tendo acompanhado o mesmo para a realização da compra da placa de um dos veículos registrados na Retran de em Livramento. O conduzido ainda cedeu à comissão de apuração sumária da corregedoria do Detran o seu extrato bancário para constatação da transação bancária mencionada. Ressalta-se que um dos veículos foi recuperado, após a apuração por parte desta comissão da corregedoria do Detran no município de Santo Antônio de Jesus, sendo objeto de transação comercial entre terceiros de boa-fé, conforme ocorrência nº. 170/2019, registrada na delegacia de polícia. Atualmente, o veículo de placa gerada ilegalmente sob nº PLJ-3782, encontra-se em poder do Departamento de Polícia Técnica (DPT), para a adoção das medidas cabíveis. O suspeito ficará à disposição da autoridade policial.


VOLTAR