Ministros se reúnem com fabricantes de repelentes contra Aedes aegypti » Rede Acontece
Últimas
18-01-2019 » Caso Daniel | Âncora acusado de fake news por família Brittes é chamado a depor 18-01-2019 » Questão de higiene | Tem problema ter lixo na pia ou aumenta risco de bactérias? 18-01-2019 » Jack estava internada | Ginasta brasileira que defendeu seleção morre aos 17 anos 18-01-2019 » Defensora dos animais | Luisa Mell: 'Pode ter mulher agredida onde tem bicho apanhando' 18-01-2019 » Acordo com pai dela | Felipe Neto pagará 'acompanhamento psicológico' a Melody 18-01-2019 » Exclusivo | Funcionária que disparou WhatsApp para Bolsonaro ganha cargo no Planalto 18-01-2019 » Investigação contra Queiroz | Ministro do STF afirma que pedido de Flávio foi 'confissão de culpa' 18-01-2019 » Ex-ministro de Temer | Bolsonaro escolhe general Silva e Luna para ser o diretor-geral de Itaipu 18-01-2019 » Medidas econômicas | Auxílio-reclusão e pensão por morte vão passar por pente-fino; entenda 18-01-2019 » Educação | Governo suspende nomeação de diretor para coordenar Enem 18-01-2019 » Relações com o país vizinho | Bolsonaro cita PT e diz que Brasil tem culpa em crise na Venezuela 18-01-2019 » Atacante do Santos | Fla encaminha acerto com Bruno Henrique por R$ 23 milhões 18-01-2019 » Copa São Paulo | SP bate Cruzeiro nos pênaltis e pega Guarani na semifinal 18-01-2019 » Ex-comandante do Exército | Símbolo de superação, Villas Bôas traz voz moderada ao Planalto 18-01-2019 » Para descobrir o que têm | Pessoas com doenças misteriosas buscam 'detetives' nos EUA 18-01-2019 » Salão de Detroit | Nissan revela que futuro Versa será 'surpreendente como o Kicks'
Publicidade
28 de janeiro de 2016

Ministros se reúnem com fabricantes de repelentes contra Aedes aegypti

Foto: Urandi Acontece

Foto: Urandi Acontece

Os ministros Jaques Wagner (Casa Civil) e Marcelo Castro (Saúde) se reuniram na manhã desta quarta-feira (27) no Palácio do Planalto com fabricantes de repelentes que podem ser usados contra o mosquito Aedes aegypti. O mosquito transmite o vírus da dengue, da febre chikungunya e da Zika, responsável pelos casos de microcefalia que têm sido registrados no país desde o ano passado. Castro já havia anunciado que a reunião ocorreria nesta quarta após decisão do governo de distribuir repelentes contra o mosquito a grávidas que sejam beneficiárias do programa Bolsa Família. “Vamos distribuir [repelentes]. Na quarta, teremos encontro aqui no [Palácio do] Planalto com fabricantes de repelentes para ver a quantidade que eles podem fornecer. Vamos adquirir e distribuir para as pessoas que sejam gestantes e que estejam no Bolsa Familia. Às outras pessoas, recomendamos que usem os repelentes aprovados pela Anvisa”, disse Castro na ocasião. lém da decisão relacionada aos repelentes, o governo também deve propor que os estados adotem o mesmo sistema que Goiás vem utilizando, por meio do qual é possível monitorar em tempo real as casas, ruas e bairros visitados pelas equipes de vigilância. Na reunião de segunda, também foram discutidas campanhas publicitárias voltadas à conscientização da população sobre formas de combater o Aedes aegypti e impedir sua proliferação. Segundo o ministro da Saúde, na próxima sexta (29) a presidente Dilma participará de videoconferência com governadores para discutir medidas de combate ao Aedes aegypti, classificado pelo ministro de “inimigo número um do Brasil”. Para Marcelo Castro, o governo já está fazendo o “máximo que pode” para combater o mosquito, e é preciso que a sociedade se conscientize sobre as formas possíveis para evitar que o Aedes aegypti se prolifere.(Globo)


VOLTAR