Nostradamus: as profecias mais assustadoras para 2018 » Rede Acontece
Últimas
23-09-2018 » Renda mínima ajuda a empreender | Autor holandês defende a utopia do dinheiro de graça para todos 23-09-2018 » Lança livro no Brasil | 'Melhor jeito de se rebelar é ser conservador', diz paladino gay de Trump 23-09-2018 » Os mascates do Rio | Periferia sem crédito mantém vendedor de porta em porta 23-09-2018 » Brasileirão | SP empata com América-MG; veja gols 23-09-2018 » Reta final | Presidenciáveis intensificam campanha perto do 1º turno 23-09-2018 » Associação com PT | Doria ataca Márcio França com imagem do governador obeso 23-09-2018 » "Mesmo comportamento" | Ciro compara parte do PT a "fascistas de direita" 23-09-2018 » Incendiário | Conheça o homem que tentou parar a Renascença 23-09-2018 » Mudança comportamental | Síndrome do Pequeno Poder: veja como lidar com o problema 23-09-2018 » Abalo mental | Discriminação na infância influencia saúde de jovens 23-09-2018 » Saiba como | Latam ajuda cliente saber se mala tem tamanho certo 23-09-2018 » Venda recorde | Carro popular evolui e atende pessoas com deficiência 23-09-2018 » Alexandra Gurgel | 'Homens querem a gorda na cama, mas ninguém pode saber' 23-09-2018 » Ex-ministro de Itamar | Eleição não acabará com crise, diz Ricupero 23-09-2018 » Intervenção federal | Rio tenta gastar melhor R$ 1 bi em material da polícia 23-09-2018 » Educação | Ensino ruim piora desigualdade e violência 23-09-2018 » Resposta a Bolsonaro | Alckmin: "Covardia é desrespeitar mulher, negro, pobre" 22-09-2018 » Viagem de filho | Bolsonaro mobilizou Itamaraty para resolver assunto pessoal em 2011 22-09-2018 » Não é só fast-food | Shoppings de São Paulo ganham restaurantes famosos 22-09-2018 » Espanhol | Real vence Espanyol com VAR e Marcelo e Bale poupados
Publicidade
21 de junho de 2018

Nostradamus: as profecias mais assustadoras para 2018

Foto: Reprodução

O almanaque escrito por Nostradamus no ano de 1550 fazia diversas profecias que se tornaram reais, enquanto outras passaram despercebidas.

Ele pode ter previsto o ataque as Torres Gêmeas, por exemplo, e outros acontecimentos. Sendo assim, nós resolvemos listar algumas profecias assustadoras feitas por este homem que viveu na época da Renascença, para o ano de 2018.

+ ‘Homem árvore’ abandona tratamento e segue com rara síndrome

1 – Erupção do Vesúvio

Uma das previsões mais conhecidas e que causam medo nas pessoas é de que o Monte Vesúvio, na Itália, entrará em erupção neste ano. Essa profecia afirma que a erupção fará com que a terra enfrente tremores terríveis a cada 5 minutos e mate entre 6 e 16 mil pessoas.

2 – Humanos e animais conversando

Uma outra previsão de Nostradamus é de que em 2018, os homens consigam se comunicar com os animais. Já pensou falar com um porco ou um pássaro na rua e eles responderem, em alto e bom som?

3 – Colapso econômico

Não precisamos de nenhum médium para perceber que as instituições financeiras enfrentam diversos problemas atualmente. Existe uma teoria de que o próximo ano passará por uma grande crise econômica capaz de mexer, inclusive, no bolso dos mais ricos.

4 – Maior terremoto de todos os tempos

Além de uma erupção catastrófica, existe a profecia de que haverá um terremoto maior do que qualquer um que já aconteceu. De acordo com Nostradamus, o tremor que acontecerá na Califórnia será sentido de alguma forma em todo o globo terrestre.

5 – Terceira Guerra Mundial

Com as provocações entre Estados Unidos e Coreia do Norte e toda tensão no Oriente Médio, além da Rússia, isso pode realmente estar perto. Estamos acompanhando diariamente uma série de provocações entre os países. Sendo assim, nos resta esperar e torcer para que nada desse tipo comece, pois pode resultar no fim dos tempos.

6 – A morte de um líder católico

Os estudiosos da obra de Nostradamus afirmam que o ano de 2018 será marcado pela morte de um líder de alto escalão da Igreja Católica. Muitos têm medo de ser o Papa atual, Francisco, maior representatividade cristã na Terra.

7 – Desastres naturais

Há uma profecia que confirma desastres naturais como ciclones e tempestades na China, Japão, Austrália e Rússia. Ela afirma que os lugares ainda enfrentarão fortes terremotos e um grande número de mortes.


VOLTAR