Número de mortes violentas no país caiu 14,3% de 2017 para 2018 » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 18-09-2019 » Testamos | HB20 abre novo patamar com visual ousado e 1.0 surpreendente 18-09-2019 » 'Eu mudei' | Gerson: os segredos do jogador que está revolucionando o Flamengo 18-09-2019 » Ela resolveu dar a volta ao mundo | 'Não sou rica. Consegui viajar muito economizando - não tem milagre' 18-09-2019 » Nova tecnologia | Viagem grátis e 'fiada': pagamos ônibus de SP com cartão e celular 18-09-2019 » Gm não explicou caso | Novo Onix Plus pega fogo em manobra no pátio no RS 18-09-2019 » Em São Paulo | Seguranças suspeitos de chicotear jovem vão responder por tortura 18-09-2019 » Falou em universidade | 'Bolsonaro é tosco e misógino', diz Dilma Rousseff na Sorbonne 18-09-2019 » Ao comprar fraldas | Polícia crê em vingança ou feminicídio em caso de mulher morta em SP 18-09-2019 » Era da Odebrecht | Morre Henrique Valladares, um dos delatores da Lava Jato 18-09-2019 » Decisão da Copa do Brasil | Juca: Pode ser a noite da maioridade do Athletico-PR 18-09-2019 » Acontece na segunda | ONU veta discurso do Brasil na cúpula do clima em Nova York 18-09-2019 » Blog do Tales Faria | Com Maia, líderes da Câmara reclamam de traição de senadores e Alcolumbre 18-09-2019 » 'Ataque à lei de imigração' | Portaria de Moro sobre deportação é denunciada na ONU 18-09-2019 » Dados do 2º trimestre | 22,4% dos domicílios do Brasil não têm renda de trabalho, diz pesquisa do Ipea 18-09-2019 » Discussão no Senado | Relator da reforma tributária propõe unificar 9 impostos em 2 cobranças 18-09-2019 » Fica no cargo até aprovação de Aras | Interino na PGR assume cargo e anuncia volta de grupo da Lava Jato 18-09-2019 » Disputa interna no governo | Ala olavista passa a apoiar anistia a Maduro por mudança na Venezuela 18-09-2019 » Grandes grupos de varejo | Carrefour, GPA e Cencosud compraram carnes de autuados por trabalho escravo 18-09-2019 » Assembleia em NY | Carlos Bolsonaro diz que pai 'está bem' e prepara discurso da ONU 18-09-2019 » Gastos do governo | Em meio a cortes, Orçamento dá R$ 4,7 bi de vantagens para militares
Publicidade
11 de setembro de 2019

Número de mortes violentas no país caiu 14,3% de 2017 para 2018

Foto Rede Acontece

O Brasil registrou 57.341 mortes violentas intencionais em 2018, redução de 10,43% em relação ao ano anterior, quando o número chegou a 64.021. Os dados fazem parte do Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2019, divulgado nesta terça-feira (10) pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. O total de 2018 é o menor desde 2013 (55.847 casos). A taxa de homicídios para cada grupo de 100 mil habitantes chegou a 27,5 no país em 2018, enquanto em 2017 era de 30,8 –uma redução de 10,8%. No recorte por unidades federativas, as maiores taxas estão em Roraima (66,6), no Amapá (57,9), no Rio Grande do Norte (55,4) e no Pará (54,6). Já as menores foram registradas em São Paulo (9,5), Santa Catarina (13,3), Minas Gerais (15,4) e no Distrito Federal (16,6). O estudo associa a taxa de homicídios em Roraima e no Amapá à atuação de facções criminosas nessas regiões. No caso do Amapá, o anuário destaca o cenário como “ainda mais dramático”. Os dados mostram que a taxa de mortes violentas por 100 mil habitantes cresceu 1.100% em sete anos. “Serviços de inteligência atestam a existência de sete facções criminais no estado, ainda em guerra no início de 2019”, aponta o estudo.


VOLTAR