O Brasil receberá “bênçãos sobrenaturais” se apoiar Israel, afirma pastor em reunião » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 21-05-2019 » A Dona do Pedaço | Opinião: Estreia fascina e constrange como as melhores novelas 21-05-2019 » Série da HBO | Fim de Game of Thrones deixa fãs tristes, bravos e ansiosos por mais 21-05-2019 » Reforma da Previdência | Bolsonaro muda o tom e diz que 'valoriza Parlamento' 21-05-2019 » Piloto austríaco | Morre aos 70 anos Niki Lauda, tricampeão mundial de Fórmula 1 21-05-2019 » Rui Costa, da Bahia | Mensalidade em universidade pública não deve ser tabu, diz governador do PT 21-05-2019 » Felipe Francischini (PSL-PR) | Presidente da CCJ da Câmara diz que reforma tributária será votada na quarta-feira 21-05-2019 » Em Barão de Cocais (MG) | Por temor de que trepidações afetem barragem, Vale paralisa trem de carga 21-05-2019 » 'Vocês estão cegos' | Janaina Paschoal diz que deixará bancada do PSL e questiona sanidade de Jair Bolsonaro 21-05-2019 » O dia nos esportes | Abel é alvo de protesto no Flamengo, e Liziero, do SP, tem lesão 21-05-2019 » Marca carioca nega | Loja Três é acusada de racismo, assédio moral e gordofobia 21-05-2019 » Em áudio de Bolsonaro | Chamado de 'inimigo', executivo da Globo vai a evento no Planalto 21-05-2019 » De Globo a Record | Frustradas com Jair Bolsonaro, redes de TV adiam novos projetos 21-05-2019 » Resumo da segunda | Fofoca entre Poderes, barragem ameaçada e mais notícias do dia 21-05-2019 » no Brasileirão | Vasco e Grêmio vão brigar para não cair? Blogueiros opinam 21-05-2019 » Nina Lemos | Namorado que não aceita fim pode te matar 21-05-2019 » Joyce | Onde estão nossas referências? 21-05-2019 » Jairo Bouer | Conhecer riscos não impede uso de anabolizantes 21-05-2019 » Sakamoto | Como governar em uma democracia? 21-05-2019 » Vilarinho | Noiva, veja cuidados para preparar a pele 21-05-2019 » Josias de Souza | E se uma bala perdida do capitão atingir Guedes?
Publicidade
corretora de seguros
INTERSORFT 100 MEGA
13 de abril de 2019

O Brasil receberá “bênçãos sobrenaturais” se apoiar Israel, afirma pastor em reunião

Foto Reprodução

O apoio do Brasil a Israel tem sido algo bastante discutido desde que o atual presidente, Jair Bolsonaro, manifestou o compromisso de transferir a embaixada brasileira de Tel Aviv para Jerusalém, ainda durante a campanha eleitoral do ano passado. O que para muitos pode não passar de uma proposta meramente diplomática, no entanto, para a comunidade cristã e teólogos de todo o mundo possui um significado muito maior. Durante uma reunião com pelo menos 100 pastores de várias denominações evangélicas do Brasil nesta quinta-feira, o pastor americano John Hagee, que estava no evento, explicou o que significa apoiar a nação israelense. “Deus tem abençoado Trump por abençoar Israel. Nunca houve um presidente na história da América mais leal ao povo judeu do que Trump”, disse ele, exemplificando com isso o que deverá acontecer ao presidente Bolsonaro se ele continuar apoiando Israel. O encontro foi organizado pelo Conselho de Ministros Evangélicos, presido por Silas Malafaia, e teve a participação do presidente brasileiro, além do presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, e o governador do Rio, Wilson Witzel. John Hagee é amigo pessoal do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e acompanha o país há décadas, tendo viajado mais de 40 vezes para lá. No encontro Hagee destacou como a nação judia é o centro do mundo, não apenas sob uma perspectiva teológica, mas também geopolítica. “Israel é o relógio de Deus”, disse ele, segundo o portal Guiame. “Quando o povo judeu esteve fora de Israel, o relógio parou. Quando eles voltaram para a terra, o relógio voltou a funcionar”. Com isso, Hagee quer dizer que todos os acontecimentos mundiais, no âmbito político e cultural, passam pelo que ocorre em Israel. Apoiar os israelenses, portanto, não seria apenas uma questão diplomática, mas de reconhecimento sobre o que Deus já fez e ainda fará para o mundo através dessa nação. “Israel não é uma nação para turismo ou política, mas Israel é de fato bíblico. Deus irá abençoar as nações que abençoarem Israel. A ‘menina dos olhos de Deus’ precisa da nossa ajuda, e a porta da benção de Deus está aberta para as nações e igrejas [que a abençoarem]”, conclui Hagee


VOLTAR