Rede Acontece » Página 3 de 1091 » Um novo jeito de ver notícia
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 16-09-2019 » Área de proteção ambiental | Incêndio em Alter do Chão se agrava, e Pará pede ajuda da Força Nacional 16-09-2019 » Em Angra dos Reis (RJ) | Vida de luxo e lancha de R$ 6 mi levaram polícia à prisão de líder do PCC 16-09-2019 » Brasileirão | São Paulo arranca empate no fim contra o CSA no Morumbi 16-09-2019 » Causa não divulgada | Filho de Benito Di Paula morre aos 36 anos de idade no Rio 16-09-2019 » Área de floresta do DF | Bombeira morre eletrocutada ao combater incêndio 16-09-2019 » Tem Frota, Joice e Moro | Com tuíte polêmico, Carlos abre capítulo de brigas da direita 16-09-2019 » Previdência | Policiais recorrem à lei de 1985 para obter aposentadoria mais alta 16-09-2019 » Senador já recorreu | Romário é condenado a pagar R$ 408 mil por dívida de aluguel 16-09-2019 » Em Brasília | Fluminense bate Corinthians por 1 a 0 com frango do goleiro Cássio; veja o gol 16-09-2019 » Grêmio | Renato diz que conversou com André sobre BO por distúrbio 16-09-2019 » Em São Paulo | Moro visita Bolsonaro em hospital e diz que "o homem é forte" 16-09-2019 » Morreu aos 67 anos | Roberto Leal lembrou 'quase morte' em última aparição na TV 15-09-2019 » Ruy Castro | A realização que veio só após se livrar do marido 15-09-2019 » Antônio Prata | Há anos que eu não sei o que concluir disso tudo 15-09-2019 » Siga o copo | Vinho 'salgadinho' guardado no mar chega ao Brasil 15-09-2019 » Renato S. de Lima | Moro adota a tática do "Rei Afogado" 15-09-2019 » PVC | Ganso e Cássio fizeram o que não é normal 15-09-2019 » Mauricio Stycer | 2020 será o ano da guerra global de streaming 15-09-2019 » Vecchioli | "Nosso Pacaembu" deixa de ser municipal 15-09-2019 » Marcos Lisboa | Teto de gastos será atingindo no ano que vem

Publicidade
11 de setembro de 2019
» Brumado, Polícia

Foto Rede Acontece

O Delegado Regional Leonardo Rabelo completou na última segunda-feira (09), oito anos á frente da 20ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (20ªCOORPIN), de Brumado. Discreto, Rabelo mesmo com uma equipe reduzida vem obtendo êxito nas ações desenvolvidas pela Coordenadoria. Na sede da 20ªCOORPIN já foram registrados cerca de 20 homicídios ao ano, hoje, entre 7 e 10 crimes violentos letais e intencionais. É bom ressaltar que a Polícia Civil em Brumado tem os maiores índices de resolutividade nas investigações de crimes contra a vidas no estado. O Delegado Regional que foi nomeado como coordenador em 09 de setembro de 2011, virou notícia estadual quando no seu comando a Polícia Civil derrubou seis bandidos altamente perigosos que aterrorizavam a região da Barra da Estiva. A quadrilha estava acampada às margens de um rio na zona rural do município e eram acusados da morte do investigador de polícia Eulálio Rodrigues Santos, assim como estavam no baralho do crime da Secretaria de Segurança Pública de Estado da Bahia. Outra operação que ganhou destaque estadual foi ‘Operação BR-30’, realizada em cooperação com o Ministério Público da Bahia. Operações que ganharam destaques na mídia local e regional foram “operação praça da joias, onde a Polícia Civil derrubou um bandido e prendeu três pessoas que assaltaram uma joalheria na praça Armindo Azevedo numa operação cinematografia, na época, os policiais civis saíram aplaudidos pela multidão que acompanhou a operação. ‘Operação Malhada Branca’, em parceria com Ministério Público e com um efetivo de 150 policiais das  20ª e 10ª Coordenadoria de Polícia do Interior (COOPIN) – Brumado e Vitória da Conquista), além de agentes da 34ª e 46ª Companhias Independentes da Polícia Militar (Brumado e Livramento de Nossa Senhora), do Comando Independente de Policiamento Especializado da região Sudoeste e do Grupo de Apoio Tático da Polícia Civil, onde apreenderam quatro metralhadoras e prenderam dezesseis pessoas; cooperação com Operação da Polícia Civil do Rio de Janeiro contra ataques racistas a jornalista Maria Júlia Coutinho e à atriz Taís Araújo, onde prendeu um suspeito em Brumado com destaque nacional; Operação “Sem Filtro”, desencadeada pela polícia civil do Paraná em parcerias com as policias civis de São Paulo, Minas Gerais e Bahia, onde prendeu uma suspeita de participar de organização criminosa, além de várias outras ações. Outro destaque dentro da COORPIN foi o aumento do efetivo policial uma ingerência direta de Rabelo. A criação de um núcleo de combate aos crimes contra o patrimônio que vem reduzindo significativamente esse tipo de delito em Brumado. Com um trabalho ímpar realizado na cidade a Câmara de Vereadores homenageou na última semana o Delegado Leonardo Rabelo com o título de cidadão brumadense.


NOVA SEGURADORAAA
11 de setembro de 2019
» Mundo, Religião

Foto: Eliyahu Yanai City of David Archives

Um selo de 2.600 anos com o nome hebraico foi descoberto em terra escavada desde 2013 perto do Muro das Lamentações, revelou o arqueólogo Eli Shukron na última segunda-feira (9). Segundo informações do The Jerusalém Post, o selo traz a inscrição do nome de “Adenyahu Asher Al HaBayit”, que significa “Adenyahu por Nomeação da Casa”, o papel mais proeminente na corte do rei no Reino da Judeia que aparece pela primeira vez na lista de ministérios da Salomão. Com um centímetro de largura, o selo era usado para assinar documentos e data do século XVII a.C, período do Reino da Judeia, e traz um termo bíblico que era usado para descrever o ministro mais alto que servia sob reis da Judeia ou Israel. “É a primeira vez que esse tipo de descoberta arqueológica é realizada em Jerusalém”, disse Shukron, que conduziu as escavações iniciais nas pedras fundamentais do Muro Ocidental, ao norte de Silwan, em nome da Autoridade de Antiguidades de Israel. “O termo bíblico ‘ Asher Al HaBayit ‘ foi a posição ministerial de mais alto escalão sob o rei durante os reinados dos reis da Judeia e Israel, e é sem dúvida de grande importância.” Para Doron Spielman, vice-presidente da Fundação City of David, que opera o local onde a bula foi descoberta, esse achado tem “um significado imenso para bilhões de pessoas em todo o mundo” e ainda mostra um “elo a uma longa cadeia de história judaica em Jerusalém que está sendo descoberta e preservada diariamente na cidade de David”.A bula foi descoberta há três semanas como parte da Experiência Arqueológica voluntária da Cidade de David por um adolescente israelense chamado Batya Howen. “Comecei a vasculhar o balde de terra lavando-o sob uma corrente de água e, de repente, reconheci um pequeno pedaço de metal de cor preta”, recordou Howen. “Manter uma descoberta tão significativa de 2.600 anos atrás, desde o tempo do Reino de Judá, é uma coisa incrível”, declarou.


NOVO SEGURO
11 de setembro de 2019
» Bahia

Foto: Divulgação

Uma tonelada de carnes e laticínios clandestinos foi apreendida na cidade de Planalto, no sudoeste da Bahia, na última terça-feira (10). As carnes foram encontradas em pontos de abate clandestino de animais, na área urbana do município. Já laticínios como queijos e manteiga que estavam fora da validade foram apreendidos em supermercados, recolhidos por estarem em condições impróprias para consumo e fora da validade. A ação foi uma operação conjunta do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), junto com a Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB) e a Vigilância Sanitária.


NOVO SEGURO
11 de setembro de 2019
» Brasil

Foto Rede Acontece

O Brasil registrou 57.341 mortes violentas intencionais em 2018, redução de 10,43% em relação ao ano anterior, quando o número chegou a 64.021. Os dados fazem parte do Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2019, divulgado nesta terça-feira (10) pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. O total de 2018 é o menor desde 2013 (55.847 casos). A taxa de homicídios para cada grupo de 100 mil habitantes chegou a 27,5 no país em 2018, enquanto em 2017 era de 30,8 –uma redução de 10,8%. No recorte por unidades federativas, as maiores taxas estão em Roraima (66,6), no Amapá (57,9), no Rio Grande do Norte (55,4) e no Pará (54,6). Já as menores foram registradas em São Paulo (9,5), Santa Catarina (13,3), Minas Gerais (15,4) e no Distrito Federal (16,6). O estudo associa a taxa de homicídios em Roraima e no Amapá à atuação de facções criminosas nessas regiões. No caso do Amapá, o anuário destaca o cenário como “ainda mais dramático”. Os dados mostram que a taxa de mortes violentas por 100 mil habitantes cresceu 1.100% em sete anos. “Serviços de inteligência atestam a existência de sete facções criminais no estado, ainda em guerra no início de 2019”, aponta o estudo.


CCCCCCCC
11 de setembro de 2019
» Brasil, Justiça

Foto Rede Acontece

Em uma reviravolta, os desembargadores da 2ª Câmara de Direito Empresarial do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) decidiram nesta terça-feira (10), por três votos a dois, não decretar a falência da companhia aérea Avianca Brasil, que está com a concessão suspensa desde 21 de junho. Em julho, quando o julgamento começou, 3 dos 5 membros da Câmara haviam votado a favor de decretar a insolvência da companhia: Ricardo Negrão (relator do caso), Sérgio Shimura e José Araldo Telles. Um deles, Mauricio Pessoa, votou contra, e o magistrado Paulo Roberto Brazil declarou-se impedido de votar. O desembargador Alexandre Lazzarini, que entrou no julgamento no lugar de Brazil, manifestou-se contra decretar a insolvência da Avianca, sob o argumento de que o Tribunal não julgava um pedido de falência. Em 27 de agosto, Sérgio Shimura decidiu reaver sua posição e pediu vistas. Na sessão desta terça, apresentou seu novo voto alinhado com Pessoa e Lazzarini, o que reverteu o placar. O Tribunal analisava um agravo de instrumento interposto pela Swissport pedindo a anulação do plano de recuperação judicial da Avianca Brasil, que teve suas operações suspensas pela Anac em maio. A Swissport é uma das credoras da Avianca e tem R$ 17 milhões a receber. A empresa afirmava ser ilegal a proposta que consta no plano de recuperação, formulada pelo fundo de investimento Elliott (maior credor da aérea) com Gol e Latam, de realizar um leilão de slots (autorizações para pousos e decolagens) da Avianca. O certame foi conduzido em julho. Para a Swissport, que pedia à Justiça que um novo plano fosse apresentado, a companhia aérea não poderia vender os slots porque não são ativos dela, e sim concessões. Segundo a empresa, o pregão, que só teve lances de Gol e Latam, apresenta conflito de interesses porque envolveu pagamentos antecipados das empresas aéreas ao Elliott. O pregão tem sua legalidade questionada também porque a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) conseguiu, na Justiça, autorização para redistribuir os slots da companhia. A redistribuição foi realizada em agosto a partir de uma nova regra criada pela agência reguladora, e teve como principais beneficiadas a Azul e a Passaredo. Com a mais recente decisão do TJ-SP, o plano de recuperação judicial da Avianca precisaria ser cumprido. Ocorre, porém, que ele depende do pagamento dos lances que Gol e Latam fizeram no leilão. As companhias aéreas, no entanto, só vão desembolsar os US$ 147 milhões que ofertaram no evento pelos slots da Avianca Brasil se o pregão for validado pela Justiça e os ativos entregues de fato. O cenário é considerado improvável por especialistas ouvidos pela reportagem porque dependeria de anulação da redistribuição já feita pela Anac com aval do próprio TJ-SP. Derrotado na votação desta terça (10), Ricardo Negrão chamou o plano de recuperação de inexequível. Para o advogado Ronaldo Vasconcelos, professor de insolvência do Mackenzie, “o plano de recuperação da Avianca depende totalmente dos slots que foram redistribuídos. Ele será barrado pelo aspecto regulatório.” “Se o leilão prevalecer, a Avianca recebe os recursos. É a melhor solução para os credores, mas é um cenário pouco provável porque a companhia perdeu os slots por descumprir as normas da Anac”, afirma. A reportagem não conseguiu contato com representantes da Avianca Brasil até o momento.


NOVO SEGURO
11 de setembro de 2019
» Justiça

Foto: Jane de Araújo

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou nesta terça-feira (10), por 3 votos a 2, uma denúncia apresentada em outubro do ano passado contra o ministro Aroldo Cedraz, do Tribunal de Contas da União (TCU), acusado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) de tráfico de influência junto com seu filho, o advogado Tiago Cedraz. Os ministros Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Celso de Mello votaram por rejeitar a denúncia contra o ministro do TCU, por falta de provas. Edson Fachin, relator da Lava Jato na Corte, e Cármen Lúcia votaram para abrir ação penal e afastar Aroldo do cargo. Segundo a Folha, a parte da acusação referente a Tiago e outros dois denunciados, que não têm foro especial no STF, será remetida à Justiça Federal em Brasília. Caberá, portanto, a um juiz da primeira instância decidir se recebe ou não a denúncia em relação aos três. Conforme a denúncia da PGR, Tiago solicitou a empresas que atuavam na construção da usina de Angra 3 pagamentos mensais de R$ 50 mil, de junho de 2012 a setembro de 2014, e um pagamento único de R$ 1 milhão, totalizando R$ 2,2 milhões, em troca de suposta ajuda em processos no TCU.


NOVA SEGURADORAAA
11 de setembro de 2019
» Brasil, Justiça

Foto: Rede Acontece

Mesmo não sendo alvo de buscas ou outras medidas cautelares, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) está no centro das atenções das duas últimas fases da Operação Lava-Jato, deflagradas em 23 de agosto ena última terça-feira (10). O foco das ações foi em pessoas diretamente ligadas à petista, além de tratar do financiamento das campanhas presidenciais, de 2010 e de 2014. As investigações tratam de contratos da Petrobras e das obras da usina hidrelétrica de Belo Monte, principal bandeira de Dilma no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). Batizada de Pentiti (palavra em italiano que significa arrependimento), a 64ª fase da Lava-Jato faz referência às acusações do ex-ministro Antonio Palocci por meio de delação premiada. As ações incluíram buscas da casa da ex-presidente da estatal Graça Foster, nomeada em 2012 por Dilma, e também miraram Guido Mantega, ministro da Fazenda da petista. Já a 65ª etapa levou à prisão, nesta terça, de Márcio Lobão, filho do ex-senador e ex-ministro de Minas e Energia Edison Lobão (MDB), que foi encarregado por Dilma de tocar a obra de Belo Monte. De acordo com acusação do Ministério Público Federal (MPF), Edison Lobão contou com a ajuda do filho no esquema de propina por meio de obras de arte. O ex-ministro já havia sido denunciado por esse caso e se tornado réu em julho. Já Palocci foi preso em setembro de 2016, na fase Omertà. desde novembro em prisão domiciliar, ele obteve no mês passado direito ao regime aberto, mas com uso de tornozeleira eletrônica. Por meio de nota, a assessoria da ex-presidente Dilma Rousseff não comentou a investigação da Polícia Federal focada nas campanhas presidenciais da petista, mas disse que Antonio Palocci “mente mais uma vez e, como das outras vezes, sequer apresenta provas ou indícios”. O documento ainda classificou Palocci como “um mentiroso contumaz”. Já a defesa do ex-ministro diz que ele “continuará colaborando com a Justiça, esclarecendo os fatos que são objeto dos processos e apresentando suas provas de corroboração”. O advogado de Guido Mantega, Fábio Tofic, afirmou, na ocasião em que seu cliente foi alvo da operação, que as medidas impostas representavam “estardalhaço e espetáculo público” da Lava Jato. Já a defesa de Graça Foster disse que a ex-presidente da Petrobras não iria comentar. O BTG disse, por meio de nota, que não vai se manifestar sobre esse caso. A defesa de Márcio Lobão afirmou que a operação desta terça tratou de fatos antigos, envolvendo diferentes investigações, sobre as quais não houve tentativa de interferência por parte dele. Já os advogados de Edison Lobão afirmou que ele não foi alvo nesta fase da operação e que as acusações são baseadas apenas em palavras de delatores.


CCCC
11 de setembro de 2019
» Bahia

Foto Rede Acontece

Apesar das irregularidades indicadas pela equipe de auditores, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) aprovou, na última terça-feira (10), as contas de 2017 da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). Relator do processo, o conselheiro substituto Jânio Abreu de Andrade defendeu a imposição de ressalvas, além da emissão de recomendações e determinações. Entre os problemas apontados, estão o aumento de 105,5% dos gastos com contratos via Regime Especial de Direito Administrativo (Reda) em relação ao ano anterior, o acúmulo ilegal de cargos por servidores, a celebração de termo aditivo com percentual acima do limite estabelecido em lei e transferências indevidas de recursos para a Associação dos Servidores da Assembleia Legislativa (Assalba), por meio de subvenções sociais. Entre as determinações da Corte, duas devem ser atendidas no prazo de 180 dias: o encaminhamento das cópias de todos os contratos com servidores temporários pelo Reda ainda não enviados ao tribunal e o envio de documentos do controle de pontualidade, assiduidade e produtividade dos servidores. O objetivo da segunda determinação é verificar a situação de funcionários apontados pelo TCE como possuidores de vínculos com entidades privadas.


NOVA SEGURADORAAA
11 de setembro de 2019
» Sem categoria

Foto Rede Acontece

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, suspendeu parcialmente decisão da Justiça do Trabalho que havia proibido a contratação de mão de obra terceirizada nas unidades prisionais na Bahia. Ao deferir pedido de liminar na Suspensão de Tutela Provisória (STP) 138, ajuizada pelo governo estadual, o ministro autorizou a terceirização apenas em duas unidades recém-construídas nos Municípios de Irecê e Brumado, considerando que a superlotação extrema no sistema carcerário do estado acarreta risco potencial à ordem pública. O Ministério Público do Trabalho (MPT) ajuizou ação civil pública visando à extinção dos contratos entre o Estado da Bahia e empresas privadas para gerir unidades prisionais estatais. Também pediu que o governo se abstivesse de renovar ou de firmar novos contratos de terceirização para as funções de agentes penitenciários. Pedido de liminar foi acolhido em parte pela Justiça do Trabalho apenas para impedir novas contratações. A decisão foi mantida, sucessivamente, pelo Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região e pelo presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST). No STF, o estado afirma que já se passaram mais de três anos da decisão questionada e que, nesse período, foram construídas as unidades prisionais de Brumado e de Irecê, que não podem ser utilizadas em razão da proibição. Segundo o presidente do STF, há notícia da existência de excesso de presos no Conjunto Penal de Paulo Afonso e a situação carcerária piorou nos últimos meses após a interdição de carceragens de delegacias de polícia localizadas nos municípios vizinhos ao presídio, inclusive com o Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) relatando as condições insalubres e a deficiência estrutural nos módulos improvisados que vêm sendo instalados. Para Toffoli, a preservação da integridade física e moral dos presos é dever que a Constituição Federal impõe ao poder público a fim de concretizar o princípio da dignidade da pessoa humana. O ministro reconheceu, ainda, a existência de risco de eventuais fugas em massa, tendo em vista déficit de pessoal e sobrecarga da capacidade do sistema prisional. Também entendeu configurado risco de lesão à ordem econômica do estado, que, além de suportar gastos de manutenção com duas novas unidades prisionais fora de atividade por falta de pessoal, tem despendido verbas públicas com a instalação de módulos prisionais improvisados e de condições precárias. Toffoli destacou que sua decisão não afasta a necessidade da realização de concurso público para suprir a falta de pessoal para administrar os novos presídios e lembrou que os dois últimos concursos para o cargo de agente penitenciário não foram suficientes para sanar o déficit de mão de obra no sistema penitenciário. “A autorização para o incremento provisório de mão de obra especializada, até a realização de concurso público, não só permitirá a ativação das unidades prisionais de Irecê e Brumado, representando 1.599 novas vagas no sistema penitenciário, como vem demonstrar a preocupação republicana do Estado da Bahia em sanear, ainda que provisoriamente, a superlotação e as precárias condições do cárcere, que atentam contra a dignidade da pessoa humana”, concluiu.


GRAFICAS
10 de setembro de 2019
» Brasil

Foto: Reprodução

Primeira loja física da Aliexpress será aberta em Curitiba (PR), o anúncio foi feito pelo maior varejista da China, o Alibaba (detentor do site AliExpress). A loja em território nacional é um projeto piloto da marca, em parceria com a financeira curitibana Ebanx, responsável por processar os pagamentos do AliExpress no Brasil do ano de 2013. Esta é a segunda loja física aberta pela marca chinesa no mundo. No final de agosto, o Alibaba abriu uma unidade física em Arroyomolinos, cidade a 30 quilômetros ao sudeste de Madri, na Espanha.


Tags:
CCCCCCCC
10 de setembro de 2019
» Ilhéus

Foto: Reprodução/Facebook

Um cachorro foi velado por uma família na cidade de Ilhéus, no sul da Bahia, e a foto do animalzinho dentro de um caixão e cercado de flores viralizou na internet. A cerimônia foi realizada no último sábado (7), conforme informou ao G1 a funerária Serviço de Assistência Familiar (SAF), que vendeu o caixão para os tutores do animal. O equipamento usado é desenvolvido especialmente para animais de estimação. A cerimônia, contudo, foi feita pela família que cuidava do cachorro, uma vez que a empresa só realiza processo de conservação e sepultamento de humanos.


CCCC
10 de setembro de 2019
» Brasil


Foto : Reprodução / TV Globo

O Brasil atingiu um número recorde de registros de estupros em 2018, segundo dados do 13º Anuário Brasileiro de Segurança Pública divulgado hoje (10) pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Foram 66.041 vítimas, o que representa uma taxa de 31,7 estupros por 100 mil habitantes. O crime é um dos poucos que tiveram aumento no ano passado, quando as mortes violentas caíram 10,8%. Na maioria dos casos (75,9%), o autor do crime é conhecido da vítima. A maior parte dos registros (26,9%) se refere a crianças de 10 a 13 anos. Outro crime que teve aumento nos registros foi o de injúria racial, com alta de 20,6%: de 6.195 casos em 2017 para 7.616, em 2018. Também houve aumento de 10,1% nas anotações de homicídios contra a população LGBT.


CCCCCCCC
10 de setembro de 2019
» Política, Tecnologia

Foto: Reprodução

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) das Fake News se reúne nesta 3ª feira (10.set.2019) às 14h30, para votar seus primeiros requerimentos. Entre eles estão a convocação dos representantes legais no Brasil do Whatsapp, Google, Instagram, Youtube, Twitter e Telegram —empresas responsáveis por redes sociais, meios de distribuição de notícias entre a população—, além dos responsáveis pelo site noticioso The Intercept Brasil. “Em busca de informações que elucidem fatos sobre o objeto determinado pela CPMI, é imprescindível contar com aquelas advindas de pessoas que ocupam funções importantes nas empresas que, por sua posição dentro do fluxo comunicacional, podem conter elementos que colaborem com as investigações”, disse a deputada Luiziane Lins (PT-CE), autora dos requerimentos na comissão mista. Também há pedido para que seja ouvida a professora universitária e blogueira feminista Lola Aronovich, alvo de uma campanha cibernética difamatória e perseguição física no Ceará. A CPI das Fake News vai investigar a criação de perfis falsos e ataques cibernéticos nas diversas redes sociais, com possível influência no processo eleitoral e debate público. A prática de cyberbullying contra autoridades e cidadãos vulneráveis também será investigada pelo colegiado, assim como o aliciamento de crianças para o cometimento de crimes de ódio e suicídio. A comissão parlamentar de inquérito é presidida pelo senador Ângelo Coronel (PSD-BA) e tem como relatora a deputada Lídice da Mata (PSB-BA).


CCCCCCCC
10 de setembro de 2019
» Barra da Estiva, Polícia

Foto: Divulgação

Na noite da última segunda-feira (09), uma guarnição da Polícia Militar de Barrada Estiva foi informada que havia uma motocicleta Bros, de cor preta, abandonada em uma estrada vicinal que dá acesso ao Bairro Geraizinho. A viatura se deslocou até o local informado onde foi confirmada a veracidade da informação. No local foi encontrado uma moto Bros 150, de cor preta, placa policial JRR-6028, licenciada em Barra da Estiva. Segundo a PM, a motocicleta foi roubada no último (31).


GRAFICAS
10 de setembro de 2019
» Educação

Foto: Divulgação

Os candidatos aprovados no Vestibular 2019 para o segundo período letivo já podem preparar a documentação para a matrícula. Conforme o Edital 145/2019, os novos estudantes de graduação deverão se matricular de 9 a 12 de setembro, na Secretaria de Cursos do campus em que foi aprovado. Além da documentação exigida, é importante ficar atento aos dias e horários específicos de cada curso, detalhados nos Anexos 1, 2 e 3 do mesmo Edital. Em caso de dúvidas, basta entrar em contato com a Secretaria de Cursos pelos telefones (77) 3261-8612, em Itapetinga; (73) 3528-9654, em Jequié; e (77) 3424-8661, em Vitória da Conquista.


NOVA SEGURADORAAA
10 de setembro de 2019
» Bahia, Economia

Foto Rede Acontece

As exportações baianas caíram 32,2% em agosto, comparadas ao mesmo período do ano passado, segundo a Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI). Este é o terceiro mês consecutivo de queda das vendas externas. De acordo com a SEI, conflitos comerciais geraram a queda que desequilibraram a confiança, os preços das commodities e a atividade econômica mundial, onde a demanda externa representa um grande estímulo ao crescimento econômico do estado e do país. Em agosto, as vendas baianas ao exterior tiveram queda de 22% do volume embarcado motivadas pela demanda externa menor, e 13,2% nos preços médios dos produtos exportados. Também houve queda de 80% na venda de automóveis de passeio, principalmente para a Argentina, de 43,5% nas vendas de petroquímicos e de 73,8% nas de derivados de petróleo, todos manufaturados e cujo consumo é mais afetado em momentos de incerteza.


GRAFICAS