Palmas de Monte Alto: suspeito de gerenciar facção criminosa morre em confronto com a CIPE/Sudoeste » Rede Acontece
Últimas
23-10-2018 » Presidenciável do PSL | Bolsonaro promete R$ 10 bi à ciência e quer astronauta ministro 23-10-2018 » Após fala de Eduardo | Em carta a Celso de Mello, Bolsonaro diz prestigiar STF 23-10-2018 » Candidato do PT | Duas semanas após 1º turno, Marina Silva declara 'voto crítico' em Haddad 23-10-2018 » Marcado para 24 de outubro | TRF-4 nega pedido de Vaccari para adiar julgamento de Palocci 23-10-2018 » 'Marginais vermelhos' | PT anuncia ações contra Bolsonaro por apologia ao crime após discurso 23-10-2018 » Campeonato Brasileiro | Santos marca no fim e empata com Inter por 2 a 2; assista aos gols 23-10-2018 » Ministério do Trabalho | 2017: Salário médio das mulheres cresce mais que de homens 23-10-2018 » Não é só Remy | Relembre mortos que 'ressuscitaram' do autor de Segundo Sol 23-10-2018 » SUVs | Jeep Renegade mudado e novos rivais: como fica o mercado 23-10-2018 » Personalidade forte | Sassá, F. Melo: futebol evolui, mas jogadores indomáveis resistem 23-10-2018 » Papo com o técnico | Renato Gaúcho: Grêmio pode encarar o Real de igual para igual 23-10-2018 » Desfila na SPFW | 'Tento me posicionar de uma forma mais sutil', diz Camila Queiroz 22-10-2018 » Submundo do marketing político | Como opera o mercado ilegal de santinhos virtuais via WhatsApp 22-10-2018 » Mais votado no 1º turno no AM | Wilson Lima tem respaldo de grupo de comunicação e apoia Bolsonaro 22-10-2018 » Opositor do regime morto na Turquia | As versões dadas pela Arábia Saudita até admitir assassinato de jornalista
Publicidade
3 de setembro de 2018

Palmas de Monte Alto: suspeito de gerenciar facção criminosa morre em confronto com a CIPE/Sudoeste

Foto Divulgação

Morreu no final desta manhã de segunda-feria (03), Lucas Rafael de Jesus Neco Nogueira, de 18 anos, vulgo “Locão, o mesmo era apontado pela polícia como gerente de uma facção criminosa com ramificação no sudoeste baiano. O fato ocorreu na Fazenda Lagoa das Pedras, próximo a comunidade de Barriguda, zona rural de Palmas de Monte Alto. Lucas tinha um mandado de prisão em desfavor. Após troca de tiros o mesmo foi baleado e encaminhado ao Hospital Regional de Guanambi, local onde o médico plantonista constatou o óbito. Com o suspeito foi recuperado uma revólver calibre 38. Lucas seria gerente da Facção SJBDC (Salve Jorge – Bonde do Cangaço), liderada por vulgo “Dalton” que se encontra preso na UED Segurança Máxima em Salvador, Locão tinha ligação também com o BDM (Bonde do Maluco). Dono de uma extensa ficha criminal, possuía diversas passagens policiais, como tráfico de drogas, posse e porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio.


VOLTAR