Preço da gasolina sobe pela 2ª semana seguida, para maior valor no ano » Rede Acontece
Últimas
16-01-2019 » Se diz explorada | Rihanna abre processo contra o próprio pai, Ronald Fenty; entenda 16-01-2019 » Contas | Veja 7 dicas para economizar na compra de material escolar 16-01-2019 » Loterias | Mega acumula e pode pagar R$ 27 milhões na quinta; veja dezenas 16-01-2019 » Copa São Paulo | Figueirense elimina Palmeiras, que mantém jejum na competição 16-01-2019 » Fim de contrato | Acusado de assédio, José Mayer deixa a Globo após 35 anos 16-01-2019 » Medida é considerada ilegal | Sindicatos querem tirar reajuste salarial de quem não pagar contribuição 16-01-2019 » Italiano preso | Bolívia descarta atuação brasileira em captura de Battisti 16-01-2019 » Querem implantar no Brasil | Bancada do PSL vai à China importar sistema que reconhece rostos 16-01-2019 » Ministro da Justiça | Para Moro, críticas indicam que decreto de posse de arma foi "ponderado" 16-01-2019 » Presidência da Câmara | Esquerda não chega a acordo e pode liberar voto de deputados 16-01-2019 » Assinado por Bolsonaro | Decreto frustra defensores de acesso a armas; indústria aprova 16-01-2019 » 1ª visita de chefe de Estado | Macri vem ao Brasil e discute com Bolsonaro Mercosul e Venezuela 16-01-2019 » Antes de tomar posse | Bolsonaro recebeu R$ 33,7 mil de auxílio-mudança da Câmara 16-01-2019 » Combustível feito em um único local | Parada em refinaria da Petrobras deixa aviões agrícolas sem gasolina 16-01-2019 » 'Frankenstein' de 2018 | Misturamos modelos de celulares para criar o 'aparelho dos sonhos' 16-01-2019 » Interpretação de mapa astral | Para de ser doida! Sense Márcia analisa a vida da youtuber Evelyn Regly
Publicidade
17 de dezembro de 2016

Preço da gasolina sobe pela 2ª semana seguida, para maior valor no ano

Foto Brumado Acontece

Foto Brumado Acontece

O preço da gasolina subiu pela segunda semana seguida no Brasil e atingiu o valor médio mais caro do ano, segundo levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgado nesta sexta-feira (16). O valor médio do litro da gasolina cobrado nos postos ficou em R$ 3,742 nesta semana, cerca de 5 centavos ou 1,4% acima do valor praticado na semana anterior (R$ 3,691). Até então, o preço mais alto do ano tinha sido registrado pela ANP na semana terminada no dia 2 de abril, quando o litro ficou em média em R$ 3,734. O aumento acontece após a alta do preço dos combustíveis cobrado pela Petrobras nas refinarias, que entrou em vigor no último dia 6. Após dois meses de reduções de preços, a estatal elevou em 8,1% o valor da gasolina e em 9,5% o valor do diesel. A estimativa da Petrobras era de que de que o preço do litro da gasolina subisse R$ 0,12 e o do diesel R$ 0,17 se a alta de preços fosse repassada integralmente. Na prática, o preço da gasolina está hoje mais caro do que estava antes do primeiro anúncio de redução de preços feito pela Petrobras em meados de outubro. A Petrobras justificou o reajuste citando a variação do câmbio e dos preços do petróleo, que subiram após a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) fechar um acordo para corte de produção. Em outubro, a empresa mudou sua política de definição de preços, que tende a repassar movimentos de cotações do petróleo e câmbio, por exemplo. Visando dar mais transparência ao mercado, a companhia prevê atualmente avaliações de preços pelo menos uma vez por mês.


VOLTAR