Processo do TSE contra chapa Dilma-Temer deve ser agilizado, diz Marina » Rede Acontece
Últimas
18-08-2018 » Autor de Mutantes | Com presença da ex, Tiago Santiago se casa com chef 18-08-2018 » Show no Rio é adiado | Jorge Aragão é internado e passa por cateterismo 18-08-2018 » Barracos afetaram | Audiência motivou saída de Mara do Fofocalizando 18-08-2018 » Ao lado de Graciele | Zezé Di Camargo recebe as filhas em seu aniversário 18-08-2018 » Após ponte desabar | Mais corpos são achados em Gênova; vítimas sobem a 41 18-08-2018 » O presidente da Vila | Peres convida Pelé a se tratar no Santos e fala de rixa de Neymar 18-08-2018 » Opinião da seleção | Juca: Raras vezes uma convocação pegou tão mal 18-08-2018 » Série da Netflix | 5 motivos para todo fã dos Simpsons se viciar em Des(encanto) 18-08-2018 » Efeito pode ser minimizado | Afinal, a radiação dos celulares faz mal? Estudo traz novas respostas 18-08-2018 » Presidenciáveis voltam a se encontrar | Debate da RedeTV! tem 'sermão' e foco em economia 18-08-2018 » Certeiro e ousado | Harmonize chocolate com vinho e impressione o 'date'; veja sugestões 18-08-2018 » Clima esquentou no debate | Marina ataca Bolsonaro sobre direitos da mulher 18-08-2018 » 3 palavras: Lula, armas, pesquisa | Em debate, Bolsonaro lê 'cola' feita na mão antes de pergunta a Marina Silva 18-08-2018 » Entre críticas e alfinetadas | Ataque a Lula e embate entre Meirelles e Boulos; veja frases do debate 18-08-2018 » Casal de cegos vive só em SP | 'A cegueira é só uma parte de mim, eu sou muito mais que tudo isso' 18-08-2018 » A dúvida que não cala no PT | O que acontece se a candidatura de Lula for definitivamente negada? 18-08-2018 » Turbinado com motor do EcoSport | UOL Carros destrincha Ford Ka Sedan Titanium, versão 'luxuosa' de R$ 71 mil 18-08-2018 » Petista tenta candidatura | Supremo deve ignorar documento de comissão da ONU favorável a Lula 18-08-2018 » 'Um estadista global' | Morre o ex-secretário-geral da ONU Kofi Annan, aos 80 18-08-2018 » Contra sarampo e polio | Campanha chega ao 'Dia D' com apenas 16% de crianças vacinadas
Publicidade
intersorft clinica master lab laboratorio centro medico sao gabriel
19 de janeiro de 2016

Processo do TSE contra chapa Dilma-Temer deve ser agilizado, diz Marina

Foto: Guanambi Acontece

Foto: Guanambi Acontece

A ex-candidata a presidência da República e ex-­senadora, Marina Silva, se mostrou contra ao processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. À Folha de São Paulo ela disse que prefere que a crise instalada no Planalto se resolva e acelere o processo contra a chapa de Dilma Rousseff e Michel Temer. “Impeachment não se fabrica, ele se explicita em função dos fatos que o justificam. Não se muda o presidente da República simplesmente porque a gente discorda dele”, pontuou. Indagada sobre uma possível candidatura, caso o TSE impugne a chapa Dilma/Temer, ela afirmou que do ponto de vista legal pode sair candidata, mas do ponto de vista político ainda não sabe. “Isso eu ainda não sei. No momento estou focada no que é melhor para o Brasil, o processo que está vindo das investigações. Até porque um processo de impeachment conduzido pelo presidente Eduardo Cunha…[ri] ele deveria estar propondo o seu próprio afastamento”, disse. “Há evidências fortes de que o dinheiro de toda essa corrupção generalizada, institucionalizada, continuada, alimentou a campanha da presidente e do vice, se isso for comprovado, eu repito, comprovado, a chapa deve ser cassada. No meu entendimento o processo do TSE deve ser agilizado.


VOLTAR
19 de janeiro de 2016

Processo do TSE contra chapa Dilma-Temer deve ser agilizado, diz Marina

FOTO: BRUMADO ACONTECE

FOTO: BRUMADO ACONTECE

A ex-candidata a presidência da República e ex­-senadora, Marina Silva, se mostrou contra ao processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. À Folha de São Paulo ela disse que prefere que a crise instalada no Planalto se resolva e acelere o processo contra a chapa de Dilma Rousseff e Michel Temer. “Impeachment não se fabrica, ele se explicita em função dos fatos que o justificam. Não se muda o presidente da República simplesmente porque a gente discorda dele”, pontuou. Indagada sobre uma possível candidatura, caso o TSE impugne a chapa Dilma/Temer, ela afirmou que do ponto de vista legal pode sair candidata, mas do ponto de vista político ainda não sabe. “Isso eu ainda não sei. No momento estou focada no que é melhor para o Brasil, o processo que está vindo das investigações. Até porque um processo de impeachment conduzido pelo presidente Eduardo Cunha…[ri] ele deveria estar propondo o seu próprio afastamento”, disse.  “Há evidências fortes de que o dinheiro de toda essa corrupção generalizada, institucionalizada, continuada, alimentou a campanha da presidente e do vice, se isso for comprovado, eu repito, comprovado, a chapa deve ser cassada. No meu entendimento o processo do TSE deve ser agilizado.


VOLTAR