Quase 70% do mundo têm internet sem franquia, mostra relatório da ONU » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 07-07-2020 » Presidente em tratamento | Bolsonaro diz que testou positivo para covid-19 07-07-2020 » Pandemia na política | Gielow: Infectado, Bolsonaro tenta usar coronavírus como aliado na crise 07-07-2020 » UOL Entrevista | Power Point com Lula poderia ter sido feito diferente, admite Dallagnol 07-07-2020 » Líder do governo na Câmara | Bolsonaro sonda Major Vitor Hugo para o Ministério da Educação 07-07-2020 » Sigla apoia PL das fake news | WhatsApp barra contas do PT por disparos em massa; partido vê 'interesse' 07-07-2020 » Educação | Nº de universidades brasileiras sobe de 6 para 7 em em top 10 da América Latina 07-07-2020 » Decisão da Taça Rio | Após aval da Globo, Flu anuncia que vai transmitir final contra o Fla pelo YouTube 07-07-2020 » 'Casa é minha' | Neymar 'humilhou' irmã? Brincadeira do craque gera debate 07-07-2020 » Inovação | Táxi voador usa motores elétricos e hidrogênio 07-07-2020 » Amor no isolamento | Cleo diz que está 'alimentando' os @s durante a quarentena 07-07-2020 » do Palmeiras | Raphael Veiga assume namoro com irmã de Luan Santana 07-07-2020 » Polêmica | Modelo diz que Aguiar a xavecou quando estava com Mayra 07-07-2020 » 'moleque' | Babu critica Daniel e fala em decepção com Marcela 07-07-2020 » Músico country tinha 83 | Cantor de 'Devil Went Down to Georgia', morre Charlie Daniels 07-07-2020 » Aviação | Acordo com Gol acirra disputa entre acionistas do programa Smiles 07-07-2020 » Carne bovina para o exterior | Exportação concentra metade do desmatamento em 2% dos municípios 07-07-2020 » Nomeado na última semana | DF: subsecretário de Esporte é preso por suspeita de racha 07-07-2020 » Nova fonte de renda | Cozinhar foi a virada profissional de muitas pessoas durante a pandemia 07-07-2020 » Novas colunistas de Universa | Ana Canosa: Ele transou com várias, mas gostou mesmo da que lhe disse não 07-07-2020 » Integração de conteúdos | UOL e Portal do Bitcoin anunciam parceria
Publicidade
30 de abril de 2016

Quase 70% do mundo têm internet sem franquia, mostra relatório da ONU

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

Em meio à polêmica sobre a intenção de algumas operadoras de telecomunicações brasileiras limitarem os dados na banda larga fixa, ressurgiu o debate sobre qual é o principal modelo ofertado em todo o mundo: franquia ou ilimitado? Para justificar uma possível efetivação da franquia, defensores da restrição chegaram a afirmar que a banda larga fixa limitada já é tendência em outros países. Contudo, dos 190 países monitorados pela União Internacional de Telecomunicações (UIT), 130 deles oferecem prioritariamente planos de banda larga fixa com internet ilimitada. Ou seja, 68% dos países optaram por modelos sem franquia. A UIT é o organismo da Organização das Nações Unidas (ONU) responsável por criar padrões e recomendações globais sobre as Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs). No fim de cada ano, a organização publica o relatório Medição da Sociedade da Informação, que traz dados atualizados sobre as telecomunicações, e divulga o ranking de países de acordo com o nível de acesso às TICs, conhecido como Índice de Desenvolvimento das TICs (IDI). O último relatório, publicado em novembro de 2015, mostra que a Coreia do Sul continua na liderança entre os países melhor avaliados, seguida pela Dinamarca

O Brasil está apenas na 61º posição, bem distante dos Estados Unidos (15º), que possui um dos modelos mais competitivos do mundo. Na frente do Brasil, também estão três países sul-americanos: Uruguai (49º), Argentina (52º) e Chile (55º). Do dez países mais bem posicionados no ranking de desenvolvimento das TICs, apenas três aplicam prioritariamente planos limitados: Reino Unido, Luxemburgo e Islândia. Os demais optavam, até a data do levantamento, por modelos ilimitados. Entre eles, a líder Coreia do Sul e a segunda colocada, a Dinamarca. O relatório destaca também a grande ascensão do serviço móvel de celular, que chegou a mais de 7,1 milhões de inscrições em todo o mundo. Enquanto isso, a adesão à internet cabeada ainda aumenta lentamente em relação aos outros anos monitorados. Atualmente, há 800 milhões de consumidores de banda larga fixa.


VOLTAR