Quase 70% do mundo têm internet sem franquia, mostra relatório da ONU » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 19-08-2019 » Filme estreia dia 29 | Com retrato de Brasil opressor, Bacurau deve 'sair da bolha', diz diretor 19-08-2019 » Conselho de Direitos Humanos | Por vaga na ONU, Bolsonaro enfrentará seu primeiro teste internacional 19-08-2019 » A partir das 22h | UOL transmite hoje Roda Viva com Alexandre Frota após filiação ao PSDB 19-08-2019 » País em crise | Tensão na fronteira obriga chefe da ONU a cancelar visita a Pacaraima (RR) 19-08-2019 » Veja como funciona | Saque do fundo PIS/Pasep começa para quem tem conta na Caixa ou no BB 19-08-2019 » Revés em casa | Fluminense anuncia demissão de Fernando Diniz após derrota para o CSA 19-08-2019 » Previdência | Para 27% dos homens e 17% das mulheres, reforma pode ser benéfica 19-08-2019 » Interferência | Para auditores, pressão de governo sobre a Receita visa proteger políticos 19-08-2019 » Chega até o fim do ano | Perto da estreia, novo Chevrolet Onix ainda roda com disfarces 19-08-2019 » Caça de Baleias | Bolsonaro divulga vídeo gravado na Dinamarca para criticar Noruega 19-08-2019 » Exclusivo | Dybala conversa com PSG e vira peça-chave para saída de Neymar 19-08-2019 » Condecorações | Em meio a bloqueios, governo gasta R$ 1,6 mi com medalhas 19-08-2019 » Não tem tempo? | Dá para faturar com ações sem acompanhar o sobe e desce diário 19-08-2019 » Vilã da Novela | 'Josiane é uma pedra de gelo', diz Agatha Moreira de A Dona 19-08-2019 » Copia, cola e cria | Entenda a técnica que criou bebês chinesas geneticamente editadas 19-08-2019 » Minha História - Verônica Hipólito | 'Sou muito mais do que tumores, quatro cirurgias e um AVC' 19-08-2019 » Motorista por um dia | Trabalhar para apps me rendeu R$ 211,79, dores e 2 coxinhas 19-08-2019 » Josias de Souza | Capitão troca versículo por Lei de Murphy 19-08-2019 » Reinaldo Azevedo | Salles deveria ser titular do Ministério da Riqueza 19-08-2019 » Paola Machado | Por que é fácil engordar e difícil emagrecer?
Publicidade
30 de abril de 2016

Quase 70% do mundo têm internet sem franquia, mostra relatório da ONU

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

Em meio à polêmica sobre a intenção de algumas operadoras de telecomunicações brasileiras limitarem os dados na banda larga fixa, ressurgiu o debate sobre qual é o principal modelo ofertado em todo o mundo: franquia ou ilimitado? Para justificar uma possível efetivação da franquia, defensores da restrição chegaram a afirmar que a banda larga fixa limitada já é tendência em outros países. Contudo, dos 190 países monitorados pela União Internacional de Telecomunicações (UIT), 130 deles oferecem prioritariamente planos de banda larga fixa com internet ilimitada. Ou seja, 68% dos países optaram por modelos sem franquia. A UIT é o organismo da Organização das Nações Unidas (ONU) responsável por criar padrões e recomendações globais sobre as Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs). No fim de cada ano, a organização publica o relatório Medição da Sociedade da Informação, que traz dados atualizados sobre as telecomunicações, e divulga o ranking de países de acordo com o nível de acesso às TICs, conhecido como Índice de Desenvolvimento das TICs (IDI). O último relatório, publicado em novembro de 2015, mostra que a Coreia do Sul continua na liderança entre os países melhor avaliados, seguida pela Dinamarca

O Brasil está apenas na 61º posição, bem distante dos Estados Unidos (15º), que possui um dos modelos mais competitivos do mundo. Na frente do Brasil, também estão três países sul-americanos: Uruguai (49º), Argentina (52º) e Chile (55º). Do dez países mais bem posicionados no ranking de desenvolvimento das TICs, apenas três aplicam prioritariamente planos limitados: Reino Unido, Luxemburgo e Islândia. Os demais optavam, até a data do levantamento, por modelos ilimitados. Entre eles, a líder Coreia do Sul e a segunda colocada, a Dinamarca. O relatório destaca também a grande ascensão do serviço móvel de celular, que chegou a mais de 7,1 milhões de inscrições em todo o mundo. Enquanto isso, a adesão à internet cabeada ainda aumenta lentamente em relação aos outros anos monitorados. Atualmente, há 800 milhões de consumidores de banda larga fixa.


VOLTAR