Rui defende candidatura de outro partido caso Lula não dispute eleição » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 12-07-2020 » Coronavírus pelo país | Brasil registra média diária de 1.018 mortes por covid-19 nesta semana 12-07-2020 » UFC | Amanda Ribas dá show e vence Paige no 1º round; Bate-Estaca perde revanche 12-07-2020 » Meio Ambiente | Para empresários, governo mudou discurso sobre desmatamento 12-07-2020 » Ao meio-dia deste domingo | Ao vivo no UOL, Zeca Camargo faz hambúrguer e recebe Mariana Godoy 12-07-2020 » Ciência na pandemia | Maior acelerador de partículas do Brasil revela detalhes do coronavírus 12-07-2020 » Atriz de 'Glee' | Polícia mostra vídeo feito dentro de lago onde Naya Rivera desapareceu 12-07-2020 » Pandemia de coronavírus | Sábado com quarentena frouxa tem bares cheios em SP e praia agitada no Rio 12-07-2020 » Fórmula 1 na pandemia | Com Ferrari a caminho de vexame, o que esperar do GP da Estíria neste domingo 12-07-2020 » Cassia Moraes - Opinião | Visionário e aberto, Sirkis lutou por mundo sustentável até o seu último dia 12-07-2020 » Histórias da pandemia | 'Perdi minha avó para a covid-19. No dia seguinte, perdi meu pai também' 12-07-2020 » Ecoa | Série revela beleza da costa atlântica brasileira; veja imagens exclusivas 12-07-2020 » Tilt | Igual ou diferente? A ilusão de ótica que levou mais de 100 anos para ser explicada 12-07-2020 » Folha de São Paulo | SP mantém remoções e vê nascer favela de desabrigados da quarentena 12-07-2020 » Jornalista britânico Paul Mason | 'Alternativa para os próximos 20 anos é uma forma sustentável de capitalismo' 12-07-2020 » Caso na França | Morre motorista agredido por pedir uso da máscara 12-07-2020 » US$ 6,07 bilhões | Elon Musk supera Buffett e se torna 7ª pessoa mais rica 12-07-2020 » Tony Marlon - Opinião | Existe uma imprensa negra? História pouco contada por ela mesmo 12-07-2020 » Julián Fuks - Opinião | Reféns do presente: por que nos submetemos tanto ao tema da vez? 12-07-2020 » Em sábado de sol | Gabigol e Renato Gaúcho são flagrados sem máscara no Rio 12-07-2020 » Litoral de São Paulo | Polícia prende suspeito de matar jovem que fazia trilha em Maresias
Publicidade
19 de julho de 2018

Rui defende candidatura de outro partido caso Lula não dispute eleição

Foto Rede Acontece

O governador Rui Costa (PT) disse nesta quarta-feira (18) que, caso o ex-presidente Lula não consiga ser candidato, o PT apoie nome de outra legenda para a disputa pelo Palácio do Planalto e não descartou que seu conterrâneo Jaques Wagner (PT) seja vice em uma chapa encabeçada pelo empresário Josué Alencar (PR). “Se ele [Lula] puder ser candidato, ótimo. Se não puder temos que encontrar uma solução e um caminho que, na nossa opinião, pode e deve ser alternativa ao PT. A gente precisa dar um sinal também de que a prioridade é reconstruir o Brasil. A melhor pessoa é o Lula, se ele não pode, acho que não necessariamente tem que estar filiado ao PT”, disse Costa após participar do fórum sobre mobilidade da ANPTrilhos (Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos) em Brasília. “Mais importante que o partido A, B ou C, mais importante que as vaidades pessoais, é a gente se juntar para reconstruir o Brasil”, afirmou o governador, salientando, no entanto, não ver nenhuma alternativa entre os atuais pré-candidatos com a representação e a força política do ex-presidente Lula. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, ao ser questionado se via como impossível uma composição com Josué Alencar como candidato a presidente e o ex-governador Jaques Wagner (BA) como vice –desejo do PR–, Rui Costa disse que não. “Não acho impossível nenhuma chapa dentro desta concepção nossa de que, junto com a defesa da candidatura de Lula e uma eventual impossibilidade, a gente discuta uma composição”, afirmou. Indagado sobre a possibilidade de apoiar o pré-candidato Ciro Gomes (PDT), o governador disse que a aproximação do presidenciável com partidos do centrão – DEM, PP, SD e –P RB cria certa dificuldade por causa do afastamento da agenda da esquerda. Ainda segundo a publicação, Rui Costa citou prejuízos causados pela incerteza política no Brasil, mas se recusou a culpar a estratégia do PT de manter a intenção de lançar a candidatura de Lula. O partido pretende registrar o ex-presidente no final do prazo, em 15 de agosto, para levar os recursos judiciais até setembro, dias antes do primeiro turno. “Culpar o PT parece culpar a mulher que foi estuprada porque estava de saia curta. Culpar o PT é como se dissesse que alguém que está defendendo o legítimo direito de ser candidato porque considera o julgamento ilegal, injusto é o mesmo pensamento que diz ‘ah, você, também, fica saindo de saia curta, por isso que você é estuprada’. Você defender os seus direitos não pode dar razão a alguém para o atacar”, afirmou o governador.


VOLTAR