Saques do PIS/Pasep colocarão R$ 34,3 bilhões na economia » Rede Acontece
Últimas
23-09-2018 » Renda mínima ajuda a empreender | Autor holandês defende a utopia do dinheiro de graça para todos 23-09-2018 » Lança livro no Brasil | 'Melhor jeito de se rebelar é ser conservador', diz paladino gay de Trump 23-09-2018 » Os mascates do Rio | Periferia sem crédito mantém vendedor de porta em porta 23-09-2018 » Brasileirão | SP empata com América-MG; veja gols 23-09-2018 » Reta final | Presidenciáveis intensificam campanha perto do 1º turno 23-09-2018 » Associação com PT | Doria ataca Márcio França com imagem do governador obeso 23-09-2018 » "Mesmo comportamento" | Ciro compara parte do PT a "fascistas de direita" 23-09-2018 » Incendiário | Conheça o homem que tentou parar a Renascença 23-09-2018 » Mudança comportamental | Síndrome do Pequeno Poder: veja como lidar com o problema 23-09-2018 » Abalo mental | Discriminação na infância influencia saúde de jovens 23-09-2018 » Saiba como | Latam ajuda cliente saber se mala tem tamanho certo 23-09-2018 » Venda recorde | Carro popular evolui e atende pessoas com deficiência 23-09-2018 » Alexandra Gurgel | 'Homens querem a gorda na cama, mas ninguém pode saber' 23-09-2018 » Ex-ministro de Itamar | Eleição não acabará com crise, diz Ricupero 23-09-2018 » Intervenção federal | Rio tenta gastar melhor R$ 1 bi em material da polícia 23-09-2018 » Educação | Ensino ruim piora desigualdade e violência 23-09-2018 » Resposta a Bolsonaro | Alckmin: "Covardia é desrespeitar mulher, negro, pobre" 22-09-2018 » Viagem de filho | Bolsonaro mobilizou Itamaraty para resolver assunto pessoal em 2011 22-09-2018 » Não é só fast-food | Shoppings de São Paulo ganham restaurantes famosos 22-09-2018 » Espanhol | Real vence Espanyol com VAR e Marcelo e Bale poupados
Publicidade
18 de junho de 2018

Saques do PIS/Pasep colocarão R$ 34,3 bilhões na economia

Foto Rede Acontece

A partir desta segunda-feira (18), os brasileiros com mais de 57 anos, que são titulares de contas inativas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), poderão sacar esses recursos. Entre os dias 14 e 28 de setembro, a autorização será ampliada para todas as idades, diferentemente do que ocorria até então, quando o saque total só podia ser feito quando o trabalhador completasse 70 anos, se aposentasse, tivesse doença grave ou invalidez ou fosse herdeiro de titular da conta. A mudança da regra ocorreu na última semana, quando o presidente Michel Temer assinou decreto que amplia as possibilidades de saque até o dia 28 de setembro. A estratégia do governo é impulsionar a economia, seguindo o modelo adotado na liberação de saques das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que representaram cerca de R$ 43 bilhões em movimentação.
Pelas contas do governo, 28,7 milhões de pessoas serão beneficiadas. Em cifras, são R$ 34,3 bilhões disponíveis para saque no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal. Isto porque 3,6 milhões de pessoas já resgataram R$ 5 bilhões em recursos dos dois programas.

Quem tem direito – Tem direito ao saque servidores públicos e pessoas que trabalharam com carteira assinada de 1971, quando o PIS/Pasep foi criado, até 1988. Quem contribuiu após 4 de outubro de 1988 não tem direito ao saque.

Isso ocorre porque a Constituição, promulgada naquele ano, passou a destinar as contribuições do PIS/Pasep das empresas para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que paga o seguro-desemprego e o abono salarial, e para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Para saber se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar os sites www.caixa.gov.br/cotaspis e www.bb.com.br/pasep. (bahia.ba)


Tags:
VOLTAR