Senado aprova desconto maior na conta de luz de famílias carentes » Rede Acontece
Últimas
>>> Ouça a Web Rádio Acontece <<< 05-06-2020 » Procurador-geral | Aras envia parecer ao STF e defende retorno de Ramagem à Abin 05-06-2020 » Ministro da educação | Para aliados de presidente, se Abraham Weintraub cair, Bolsonaro minimiza crise com STF e Congresso 05-06-2020 » Indígenas na pandemia | 'Me decepcionei com Bolsonaro', diz indígena que integrou comitiva na ONU 05-06-2020 » Comprova | Fala de médicos sobre vírus perder força não tem apoio de órgãos de saúde 05-06-2020 » Estados Unidos | Memória de George Floyd marca 10º dia de protestos 05-06-2020 » Preso em Brasília | Depressão de Marcola se agravou, diz família; condição preocupa autoridades 05-06-2020 » Suspeito é detido pela polícia | Ataque a faca em supermercado na China deixa 3 mortos e 7 feridos 05-06-2020 » 'Me destroem' | Fabio Assunção sobre vício: Há quem torça para que eu ceda 05-06-2020 » Ela é camgirl | Ex-BBB Clara: Tem cliente que paga só para me ver dormindo 05-06-2020 » Após descobrir sexo | De Férias: ex de Flávia tira satisfação com Novinho 05-06-2020 » TV Paga | CNN define substituto de Gottino e faz dança das cadeiras 05-06-2020 » Sonho virou pesadelo | Na Bélgica, homem recebe pizza há dez anos sem pedir 05-06-2020 » Durante pandemia | Roberto Carlos vende iate Lady Laura 4 por R$ 25 milhões 05-06-2020 » Em sinal a Trump | Putin detalha política para uso de armas nucleares 05-06-2020 » No UOL | João Gabbardo, chefe do centro de combate à covid de SP, fala às 15h 05-06-2020 » Combate ao coronavírus | Potencial vacina brasileira contra covid-19 começa a ser testada em animais 05-06-2020 » Presidente do TSE | Eleitor deve usar álcool gel após votar e não antes, diz ministro Barroso 05-06-2020 » Pandemia pelo Brasil | Brasil se torna terceiro país com mais mortes registradas por coronavírus 05-06-2020 » Fernando Holiday | A direita que não vê racismo 05-06-2020 » Reinaldo Azevedo | Diante de recorde de mortes, general se acovarda
Publicidade
11 de abril de 2019

Senado aprova desconto maior na conta de luz de famílias carentes

Foto: Rede Acontece

O Senado Federal aprovou na noite desta quarta-feira (10) um projeto de lei que aplica descontos maiores nas tarifas de conta de luz para famílias carentes. A medida prevê desconto de 70% para consumidores de baixa renda com consumo mensal de até 50 quilowatt-hora (kWh), 50% para consumo entre 51 e 150 kWh e 20% para as residências com consumo entre 151 e 250 kWh. Agora a proposta segue para a Câmara dos Deputados. “Esse é um projeto muito importante, que vai dar às famílias muito carentes condições de comprar mais algumas coisas para sua subsistência, invés de pagar a conta de luz”, disse o senador Roberto Rocha (PSDB-MA). Segundo o senador, que é o autor do projeto, a diferença será paga pela Contribuição de Desenvolvimento Energético (CDE). “Só para esse ano de 2019 [a CDE] tem orçamento estabelecido pela Aneel de quase R$ 21 bilhões”. Atualmente, o desconto de 65% é aplicado a famílias de baixa renda que consomem até 30 kWh por mês, 40% para consumo entre 31 e 100 kWh e 10% para consumo entre 101 e 220 kWh. Antes de chegar ao plenário, a medida passou pela Comissão de Assuntos Econômicos e pela Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor. Tem direito ao desconto nas tarifas de conta de luz para famílias carentes famílias inscritas no Cadastro Único de Programas Sociais do governo federal com renda per capita igual ou menor a meio salário mínimo; para recebedores do Benefício de Prestação Continuada (BPC); e para famílias do Cadastro Único com renda de até três salários mínimos e que tenham membros portadores de doença ou deficiência que precisem de energia elétrica para aparelhos.


VOLTAR