TCM investiga 26 prefeituras e 30 câmaras por suposta compra de título de 'melhor gestor do país' » Rede Acontece
Últimas
15-01-2019 » Reforço alviverde | Como Felipão vai usar Ricardo Goulart? Escale seu Palmeiras 15-01-2019 » Senador investigado | Renan chama Deltan Dallagnol, da Lava Jato, de 'possuído' 15-01-2019 » Brexit | Parlamento britânico rejeita acordo para saída da UE; veja os próximos passos 15-01-2019 » Segurança | Ação da Taurus tomba 22% após decreto que facilita posse de armas 15-01-2019 » Decreto assinado hoje | Facilitação da posse de arma é 'apenas primeiro passo', diz Bolsonaro 15-01-2019 » Copa São Paulo | Guarani bate Botafogo por 1 a 0 e garante vaga nas quartas 15-01-2019 » Deputados federais | Túlio Gadêlha publica foto com Rodrigo Maia e revolta famosos 15-01-2019 » Se diz explorada | Rihanna abre processo contra o próprio pai, Ronald Fenty; entenda 15-01-2019 » Fique de olho! | Falha no WhatsApp apaga mensagens antigas no Android 15-01-2019 » Aberto da Austrália | 5 razões para crer na vitória de Bia Haddad sobre nº 2 do mundo 15-01-2019 » Veja o treino e a dieta dele | Falso magro, Rafael perdeu 10 kg em 3 meses com medidas simples 15-01-2019 » Interpretação de mapa astral | Para de ser doida! Sense Márcia analisa a vida da youtuber Evelyn Regly 15-01-2019 » Após prisão da executiva da Huawei | Canadense condenado à morte na China revela crise diplomática 15-01-2019 » Troca de farpas | Maior organizada do Corinthians rebate Conmebol e faz cobranças à entidade 15-01-2019 » Estreia da semana | Novo Como Treinar o Seu Dragão encerra história do 1° filme e fala sobre perdas
Publicidade
9 de agosto de 2018

TCM investiga 26 prefeituras e 30 câmaras por suposta compra de título de ‘melhor gestor do país’

Foto: Reprodução

O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia investiga 26 prefeituras e 30 câmaras de vereadores do estado por supostos gastos de mais de R$ 90 mil para receber o título de “melhor gestor do país”.

A titulação é dada pela União Brasileira de Divulgação, localizada em Pernambuco, junto ao Instituto Tiradentes, de Minas Gerais. Eles chegam a agraciar, anualmente, 20 prefeitos, vereadores e secretários municipais.

Segundo as prestações de contas do ano passado e dos primeiros seis meses deste ano, 26 administrações e 30 casas legislativas gastaram R$ 92.983 mil com o pagamento às instituições para receber as premiações.

A investigação foi iniciada após o programa Fantástico, da Rede Globo, denunciar que um jumento recebeu o título de um dos 100 melhores prefeitos do Brasil, no Rio Grande do Sul, o que atestaria a falta de credibilidade da honraria. Para o animal, o título custou R$ 1.480.


VOLTAR