Vitória da Conquista: CMVC realiza primeira sessão legislativa de 2016 » Rede Acontece
Últimas
21-08-2018 » Cotação em alta | Mercado especula com eleição, e dólar opera perto de R$ 3,97 21-08-2018 » Ex-presidente é candidato | Para acelerar caso Lula, Barroso pode abrir mão de prazos no TSE 21-08-2018 » Chove, mas continua seco | Imagens de satélite mostram que estiagem impera na maioria do NE 21-08-2018 » Uma alternativa pouco conhecida | Não tem fiador? Título de capitalização pode servir para garantir aluguel 21-08-2018 » Ideia é repetir Donald Trump | Bolsonaro diz que cometeu ato falho e que jamais pensou em sair da ONU 21-08-2018 » O craque de 13 patrocinadores | Por contrato, Neymar destina 85% do lucro com publicidade aos pais 21-08-2018 » Nova Blazer, Argo 'Cross' e mais | Confira os carros que serão lançados no Salão de São Paulo 2018 21-08-2018 » Jornalismo | Morre aos 61 anos Otavio Frias Filho, diretor de Redação da Folha 21-08-2018 » Pesquisa Ibope | Suplicy tem 28%, Covas, 17%, e Olimpio, 15% para Senado em SP 21-08-2018 » Caso Letícia Almeida | Ex-cunhada fala sobre traição de atriz e cita perdão 21-08-2018 » TV cita 'renovação' | Domingão do Faustão tem cinco bailarinas demitidas 21-08-2018 » Após oito anos | Narrador do SporTV é dispensado: 'Fui pego de surpresa' 21-08-2018 » Reality volta hoje | 5 participantes que se rebelaram contra o MasterChef 21-08-2018 » Pirâmide de sucessos | Como Goiânia virou o mais importante mercado do sertanejo 21-08-2018 » Multa e saída gratuita | Leila fala em prejuízo de R$ 100 mi com Barrios no Palmeiras 21-08-2018 » Seu corpo | Por que sentimos mais fome quando está frio? 21-08-2018 » Guerra contra a hora extra | Japão está pedindo que trabalhadores tirem uma manhã de 2ª de folga 21-08-2018 » Luto além do jornalismo | Como dramaturgo, Otavio teve sucessos e fracassos 21-08-2018 » Trajetória | Otavio esteve à frente da campanha pelas Diretas Já 21-08-2018 » Refrigerante importado? | Sem subsídio na Zona Franca, Coca-Cola ameaça deixar Brasil
Publicidade
intersorft clinica master centro medico sao gabriel lab laboratorio
4 de fevereiro de 2016

Vitória da Conquista: CMVC realiza primeira sessão legislativa de 2016

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

A primeira sessão Legislativa de 2016 foi realizada na manhã dessa quarta-feira (03), na Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC) e contou com a presença do Excelentíssimo Prefeito Municipal Guilherme Menezes, dos 21 vereadores, do Monsenhor Uilton Pereira representando o Arcebispo Dom Luís Gonzaga Pepeu, senhor Sionei Sousa Leal, representado os Marços, secretários municipais, representantes da sociedade civil, além de toda a imprensa local. A sessão foi aberta pelo Presidente da CMVC, Gilzete Moreira (PSB) que fez um breve relato das atividades realizadas pela câmara durante o ano de 2015. “Tivemos muito trabalho nesse ano de 2015, mas podemos dizer que foi bastante proveitoso”, explicou. Ele lembrou que o mais difícil foi trabalhar a parte financeira, mas que mesmo assim, com algumas reduções de custo, como por exemplo, na água (40%) e na luz (40%), foi possível oferecer aos servidores um aumento de 8% no salário e de 100% no vale refeição. “Também pudemos reformar o plenário, pintar todo o prédio e investir em equipamentos”, completou. Outro ponto citado pelo presidente foram as atividades realizadas pelos parlamentares: “tivemos diversas sessões especiais, audiências públicas, 62 pessoas fizeram uso da tribuna livre, além do trabalho realizado pelas 12 comissões que temos aqui na casa, das mais de mil indicações e dezenas de leis e projetos aprovados”.A CMVC também atuou próximo da população com o projeto Câmara nos Bairros, onde os parlamentares realizaram visitas a bairros da cidade para colher demandas da população para serem encaminhadas à Prefeitura Municipal (PMVC). “Também fomos conhecer de perto as entidades sociais que desenvolvem um belíssimo trabalho em nossa cidade”, falou. Os trabalhos a serem realizados em 2016 também foram citados pelo presidente, como o funcionamento do memorial, que fará um resgate histórico da casa, as sessões itinerantes, visitas a bairros e entidades. Por fim, Gilzete agradeceu todos os servidores da casa, por todo empenho em realizar o melhor trabalho para que os vereadores possam desenvolver da melhor forma possível seu papel: “Só tenho a agradecer cada um de vocês por tudo que faz para nos ajudar nessa missão”, concluiu. O prefeito Guilherme Menezes, lembrou que era a décima quarta vez que comparecia à Casa Legislativa na abertura de seus trabalhos para apresentar a mensagem do Executivo Municipal, em conformidade com a Lei Orgânica, cumprindo, portanto, um rito institucional. “Ao apresentar esta mensagem, quero compartilhar avanços sociais e econômicos experimentados pelo nosso município, construídos a muitas mãos, inclusive com a marca forte desta Câmara de Vereadores, numa demonstração de convivência independente e harmônica com o Poder Executivo, como prescreve a Constituição Federal”, falou. Guilherme disse que era impossível não reconhecer que Vitória da Conquista continua se destacando no cenário regional, estadual e nacional, movida pela força empreendedora do seu povo, pelo espírito público que norteia nossas ações, enquanto detentores de mandatos públicos eletivos, e impulsionada por fortes investimentos governamentais em infraestrutura, serviços básicos e programas sociais de grande alcance: “Para isso, construímos uma articulação entre o Município, o Estado e o Governo Federal. Quando no início de seu primeiro governo o ex-presidente Lula anunciava o propósito de investir em infraestrutura no País, a exemplo de aeroportos, saneamento básico, energia elétrica para a zona rural, com o Luz para Todos, barragens etc, Vitória da Conquista não perdeu tempo, acreditou e buscou”, justificou. Ele relatou diversas obras realizadas no município, voltadas para a criança e o adolescente, esporte, educação, saúde, meio ambiente e tantos outros, que “elevaram Vitória da Conquista a uma das que mais cresce no país”. Por fim, o prefeito desejou mais um ano de convivência harmônica e independente entre os Poderes Legislativo e Executivo de Vitória da Conquista, “mesmo em meio a este momento de ódio disseminado que o Brasil vive, invadindo as instituições e tentando atingir, mais uma vez, a nossa democracia”. Completou lembrando que “em 516 anos de Brasil não tivemos 50 anos de convivência com os breves momentos democráticos, construídos a duras penas”.


VOLTAR